Monthly Archives: novembro 2017

As operativas da Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) dão início, nesta quarta-feira (1º), à Operação Cerne. A ação integrada intensificará o policiamento no Centro do Recife e garantirá mais segurança para quem circula pela região. Durante o esforço concentrado, as Polícias Militar e Civil, além do Corpo de Bombeiros Militar, reforçarão o combate a roubos e furtos, especialmente nesta época de fim de ano – quando a população flutuante atraída pelo comércio local ultrapassa 1 milhão de pessoas, segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL Recife).

A Operação Cerne foi apresentada à imprensa nesta quarta-feira, em entrevista coletiva comandada pelo secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua. “Essa operação inicia-se hoje e não tem prazo para se encerrar. Como identificamos o trabalho positivo que vem sendo feito na segurança da Avenida Agamenon Magalhães, estamos dando continuidade, agora no Centro. Nosso objetivo é aumentar a sensação de segurança dos usuários e comerciantes que por ali transitam, inclusive com reforço dos novos policiais que chegaram para o batalhão da área (16º BPM)”, ressaltou o titular da SDS.

A ação abrange os bairros de São José, Santo Antônio, Boa Vista e Soledade, que terão reforço no policiamento ostensivo com equipes da PM a pé, em motocicletas, em viaturas de quatro rodas e a cavalo. Também haverá o apoio do Grupamento Tático Aéreo (GTA) da SDS.

No âmbito da polícia judiciária, a Polícia Civil terá um plantão na Rua da Aurora, com equipes de investigação focadas em solucionar inquéritos de crimes contra o patrimônio (roubos e furtos) no Centro da cidade. A inteligência policial também enfatizará a identificação de receptadores de produtos de furto ou roubo, assim como atuará na repressão à pirataria.

Já o Corpo de Bombeiros Militar (CBMPE) incrementará a fiscalização de cerca de 600 edificações, verificando a habitabilidade, o risco de incêndio e de acidentes para quem circula pelas áreas. Serão avaliadas fachadas e marquises, bem como outros elementos que possam desprender-se e provocar acidentes, como adornos e caixas de ar-condicionado. O trabalho preventivo será realizado em conjunto com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (CREA-PE) e com o Controle Urbano da Prefeitura do Recife.

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Associação Comercial de Pernambuco são parceiros na Operação Cerne. Por meio desse apoio, as câmeras de segurança dos estabelecimentos ajudarão ampliar a vigilância do Centro do Recife, junto com as Câmeras do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (CIODS) e da Prefeitura do Recife. Os profissionais de segurança privada que atuam no comércio local também serão capacitados para fornecer informações qualificadas ao efetivo das operativas da SDS.

Além disso, as entidades irão contribuir com a divulgação, em seus estabelecimentos, dos serviços das operativas da SDS, a exemplo do Alerta Celular – ferramenta utilizada pelas Polícias de Pernambuco com o objetivo de recuperar celulares roubados ou furtados e devolvê-los a seus donos.

Por Fábio Rocha/Ascom

O prefeito Sávio Torres e o secretário de Saúde de Tuparetama, Alex Amorim, acompanharam nesta quarta-feira (1º) a realização de cirurgias de catarata da Fundação Altino Ventura (FAV). As cirurgias vão ser realizadas no município até a sexta-feira (03).

A FAV está com a Unidade Móvel de Cirurgia Ocular instalada no Hospital Severino Souto de Siqueira, e estas cirurgias são resultado da parceria do governo municipal com a FAV. “Tenho feito o possível para melhorar a saúde no município e vou continuar”, disse Sávio.

A fundação está realizando as cirurgias de catarata em Tuparetama desde a última segunda-feira (30). A previsão é realizar 90 cirurgias entre pacientes de Tuparetama e Tabira. “Estamos oferecendo o transporte e a hospedagem aos 18 profissionais da FAV”, disse o secretário de saúde.

Imagem/divulgação

O Governo do Estado lançou, nesta quarta-feira (1º), o projeto de Linha Turística Descubra Pernambuco – Recife. O projeto é baseado nos ônibus turísticos que já existem em Nova York, Londres e Paris por exemplo. Os veículos serão responsáveis pela circulação dos turistas por todos os pontos culturais da cidade. No Nordeste brasileiro, este tipo de serviço já foi implementado em Salvador, visando atender os viajantes na época da Copa do Mundo de 2014.

No Recife, o roteiro será oferecido por dois ônibus Double-deck (de dois andares), com acessibilidade para cadeirantes e comprimento para até três bicicletas. O transporte também contará com um sistema de áudio em português, inglês e espanhol, além de uma audiodescrição em português destinada às pessoas com baixa visão ou cegas.

Esse foi um relançamento do que, inicialmente, seria o Recife-Olinda TOUR, previsto para atender os turistas e população de Pernambuco no ano de 2014. O que acabou não acontecendo. "O governo Paulo Câmara tem finalizado muitos projetos que foram noticiados e não realizados. Eu não vou falar do que não foi feito, eu quero falar do que está sendo realizado. O dia de hoje é de celebração, onde já contratamos os ônibus", informou Felipe Carreras, secretário de Turismo do Estado.

O roteiro que tinha se definido inicialmente atenderia Recife e Olinda. No entanto, como uma forma de projeto-piloto, apenas Recife irá será contemplado. "A gente preferiu dar essa celeridade para que acontecesse antes do Carnaval. No início de fevereiro esse projeto já será implementado no Recife e até junho deverá estar atendendo Olinda e Jaboatão; mas a capital foi escolhida como cidade piloto (de Pernambuco)", comenta Ana Paula Vilaça, Secretaria de Turismo da cidade.

Passagens

Os bilhetes custarão em média R$ 45,00, poderão ser usados em um único dia e serão vendidos em estabelecimentos parceiros como hotéis, shoppings, Aeroporto do Recife, Terminal Integrado de Passageiros (TIP), Terminal Marítimo de Passageiros, agências de viagens, além dos próprios ônibus. Crianças com idade entre 7 e 12 anos pagam uma tarifa especial e os menores de 7 têm gratuidade. 

Assim que começar a funcionar na capital pernambucana, semanalmente 50 bilhetes serão disponibilizados para alunos e professores da rede pública de ensino. "Até junho do próximo ano pretendemos comtemplar Olinda – até a região do varadouro – e, até o final de 2018, Jaboatão dos Guararapes também integrará esse projeto", finalizou o secretário de turismo e lazer de Pernambuco.

Quando perguntado sobre a questão da segurança em Pernambuco, tendo em vista os vários assaltos a ônibus, Felipe Carreras afirma que está sendo assegurado à integridade de todos os turistas e população do Estado.

A Clínica SiM expande sua atuação para Pernambuco com investimento inicial de aproximadamente R$ 500 mil na primeira unidade. Com o slogan "Inteligente e acessível", a empresa oferece atendimento de saúde com valor simbólico, em média, R$ 90, por consulta, e tecnologia de ponta. A marca, já consolidada no mercado cearense com sete unidades distribuídas no estado, chega à capital pernambucana para aquecer o mercado local de clínicas populares com geração inicial de 500 novos empregos diretos e um total de R$ 5 milhões de investimento até o término da expansão em Pernambuco.  

A primeira unidade da Clínica SiM foi inaugurada no mês de outubro, na avenida Conde da Boa Vista. Ao todo são 650 m² de área com ambiente aconchegante, onde o público encontrará sete especialidades médica: Clínico Geral, Dermatologia, Nefrologia, Urologista, Gastrenterologia, Otorrino e Ortopedia. Além dos médicos disponíveis, a unidade pernambucana oferece atendimento odontológico, exames de imagem e laboratorial.

De acordo com o CEO da SiM, Denis Cruz, em média, 75% dos brasileiros não tem plano de saúde. Mas como em vários outros setores, no Brasil a desigualdade é gritante: no Sul e Sudeste este percentual gira em torno de 60%, no Nordeste chega a 85%, ou seja, 85% dos nordestinos não tem plano de saúde. "O projeto de expansão da Clínica SiM começou por Pernambuco por ser um polo médico de referência em todo país, por questões de tecnologia, infraestrutura e instrumental avançado, mas carente de atendimentos voltados para a população de baixa renda", explica.

O agendamento pode ser através do seu site www.clinicasim.com, WhatsApp, redes sociais e telefone. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 6h às 17h e nos sábados, das 6h às 12h.

SERVIÇO:

Clínica SiM

Endereço: Avenida Conde da Boa Vista

Telefone: (81) 4042 9660 e (85) 98165 8886 (WhatsApp)

Facebook: clinicapopular.sim

Instagram: clinica.sim

Média de valor da consulta: R$ 90,00

Ascom 

O prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, fez a entrega na manhã desta quarta-feira (1º), dos novos fardamentos e Equipamentos de Proteção Individual para os servidores da Secretaria Municipal de Infraestrutura, dentre eles os responsáveis por serviços como coleta de lixo, varrição, motoristas de caçambas e máquinas.

O kit recebido é composto por botas, luvas, protetores auriculares, óculos de proteção, calças, camisas e bonés com abas laterais e traseiras para proteção contra o sol. A distribuição atende às orientações do Ministério Público do Trabalho, incluindo as camisas de mangas compridas, para prevenir o câncer de pele.

A entrega aconteceu no espaço Olga Cajueiro. A Secretaria de Saúde, através da equipe da Vigilância em Saúde, promoveu uma aula de ginástica laboral, e atualizou o cronograma de vacinas dos servidores para tétano e tríplice viral.

“É nosso compromisso de gestão garantir a proteção integral dos nossos servidores, que realizam com muito afinco o seu trabalho, servindo diariamente a nossa população. Com esses equipamentos, eles estarão protegidos contra acidentes de trabalho e seguindo à risca as dicas de prevenção contra inúmeras doenças, a exemplo do câncer de pele,” destacou José Patriota.

A entrega contou com as presenças de diversos secretários municipais, e demais autoridades. 

https://3.bp.blogspot.com/-CjABzJbMwkI/WfnQ-M1WaoI/AAAAAAAC15A/6hh7KewYWRw0ZjahUlqnaXr_vq_W4k69gCLcBGAs/s400/22852238_1495727883836619_3250502576800930011_n.jpg

Um grande incêndio que teve inicio na manhã desta terça-feira (31), permanece até o momento  às 11:30h desta quarta-feira (1º), entre as comunidades do minadouro, cachoeirinha e oitis, na zona rural do município de Ingazeira, no Sertão do Pajeú.

Segundo  informações extraoficiais,  o incêndio começou por volta das 11h da terça e uma equipe do Corpo de Bombeiros de Afogados da Ingazeira, foi acionada e estiveram no local controlando os primeiros focos do incêndio, na propriedade do ex-prefeito José Veras, e contou com a colaboração de voluntários.

https://1.bp.blogspot.com/-b3mH5igAxZk/WfnSClRS5HI/AAAAAAAC15Q/VTgYadLytqQ5LKvQs0nKMFmfjpwNyZAHwCLcBGAs/s1600/23031389_1495802010495873_7392122696639848827_n.jpg

Novos focos de incêndio retornaram a invadir a caatinga ainda na noite da terça, se alastrando por diversas propriedades rurais em torno das comunidades citadas.

Nas redes sociais, o ativista Patrício Ferreira, disse que   alguns murmurinhos dão contas de que o fogo na caatinga teria sido proposital, se for mesmo confirmada a informação, é mais um crime bárbaro e brutal, sem precedentes a  fauna e flora, que já vem bastante desgastada, com o desmatamento desenfreado na região.

Na manhã desta quarta-feira (1º), o filho do ex-prefeito Zé Veras, pedia o retorno do Corpo de Bombeiros com urgência, preocupado com a evolução do fogo que vem abrangendo áreas próximas. Com Cauê Rodrigues (fotos).

Estradas terão maior movimentação neste feriado de finados / Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

JC Online

O feriadão de finados, que tem início nesta quinta-feira (02), deve movimentar as estradas que ligam Recife ao interior e ao Litoral de Pernambuco. Em busca de tranquilidade no período de folga, milhares de recifenses devem buscar refúgio nas cidades do Agreste e nas praias dos litorais Norte e Sul do Estado, a partir do fim da tarde desta quarta-feira (1º). Para melhorar o fluxo e evitar acidentes nas vias pernambucanas, o Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco (DER-PE), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as concessionárias dos pedágios do Litoral vão fazer operações especiais.

Desligamentos de lombadas

As estradas de maior movimentação neste feriado serão o foco do DER. Para melhorar o fluxo delas, o órgão vai desligar lombadas eletrônicas a partir desta quarta-feira (1º) e seguirão neste modo até o próximo domingo (05).

Confira os trechos que serão desligados

No Recife, o departamento vai desligar os equipamentos nos quilômetros 6,2; 6,3; 7,4 e 7,8. Já em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, os aparelhos serão desligados nos quilômetro 9,2 da rodovia.

Já para quem segue para os litorais Norte e Sul, o DER vai desligar as lombadas eletrônicas dos quilômetros 7,3 e 7,9 da PE-035, em Itapissuma, no Litoral Norte, e o quilômetro 16,6 da PE-60, em Ipojuca, no Litoral Sul de Pernambuco.

PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) começa a Operação Finados nesta quarta-feira (1º). A fiscalização ocorre nas rodovias federais de Pernambuco e será intensificada até o domingo (05). A ação tem como objetivo ampliar a segurança de motoristas e passageiros, bem como melhorar a fluidez do trânsito e combater a criminalidade no Estado.

Por causa do verão, a movimentação de veículos deve aumentar principalmente na BR 101 Norte e Sul, que leva ao litoral de Pernambuco e aos Estados da Paraíba e de Alagoas. Já nas rodovias administradas pelas concessionárias Rota do Atlântico (sistema viário do Complexo Portuário de Suape) e Rota dos Coqueiros (sistema viário da Reserva do Paiva), respectivamente, passam cerca de 130 mil veículos pelas PE-09 e PE-024. As vias dão acesso a praias como Paiva, Itapuama, Gaibu, Calhetas, Porto de Galinhas, Serrambi e Tamandaré.

Ao longo dos cinco dias de operação, a PRF vai priorizar o controle de velocidade com radares móveis, o combate à embriaguez ao volante com o uso do bafômetro e a fiscalização de ultrapassagens proibidas. Ainda serão verificadas a validade da documentação, a presença dos equipamentos obrigatórios, o estado de conservação do veículo e se todos os ocupantes utilizam o cinto de segurança.

Rota do Atlântico (SUAPE)

PAPA-FILAS – Para garantir mais agilidade na passagem pelo pedágio, a Rota do Atlântico contará com o reforço de papa-filas, para agilizar o pagamento da tarifa antes mesmo da passagem pela cabine. A equipe extra atuará de quinta e sábado, das 8h30 às 14h30, na praça localizada no acesso pela BR-101, para quem estiver indo em direção ao Litoral Sul, e no domingo, das 8h30 às 20h30, na praça de quem acessa pela PE-038, em Nossa Senhora do Ó, em direção ao Recife, na volta do feriadão.

Mudanças no Acesso a Muro Alto evitam retenções – Para garantir a fluidez do trânsito na chegada a Porto de Galinhas durante o feriadão, a equipe de tráfego da Concessionária Rota do Atlântico dará apoio ao Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual no trecho da PE-009 fora da área de concessão. De quarta (1º) às 16h até domingo (05) às 20h, a alça de acesso à Muro Alto/Cupe localizada em frente ao Posto da Polícia Rodoviária Estadual será bloqueada e o motorista que tem como destino Muro Alto/Cupe terá que fazer o retorno três quilômetros à frente.

Rota dos Coqueiros (PAIVA)

Na quinta-feira (02) e domingo (05), as praças de pedágios de Itapuama e Barra de Jangada contarão com o apoio de dez papa-filas que deverão auxiliar na fluidez do recebimento da tarifa para a entrada no trecho concessionado, garantindo tranquilidade no tráfego de veículos. Segundo dados da Concessionária, com a chegada do Verão foi observado um aumento de 16% do fluxo em relação ao mesmo período de 2016.

Causas de acidentes

Entre as principais causas dos acidentes com morte estão o excesso de velocidade, ultrapassagens indevidas, desatenção, ingestão de bebidas alcoólicas e desrespeito à sinalização. Para reforçar a segurança, o Núcleo de Operações Especiais e os Grupos de Patrulhamento Tático estarão atuando durante o feriado. Já a Base de Operações Aéreas da PRF, que atua em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), estarão de prontidão para realizar resgates e acompanhar a operação.

Viagem segura

Mesmo em viagens curtas, o motorista deve fazer uma revisão preventiva do veículo, que inclui a checagem dos pneus, do sistema de iluminação, dos equipamentos obrigatórios, do nível do óleo e água do radiador.

É fundamental planejar a viagem, buscando evitar, na medida do possível, os horários de pico. Dirigir cansado ou com sono aumenta o risco de o motorista cometer erros. A cada três ou quatro horas de viagem, é recomendável uma pausa para descanso ou revezar a direção do veículo.

Em meio à grave crise da segurança pública em Pernambuco, o comando da Polícia Civil passa por novas mudanças. O delegado Charles Gultiergue, que era subchefe de polícia desde fevereiro deste ano, deixou o cargo. Oficialmente, ele alegou motivos pessoais. A saída de Gultiergue aconteceu há cerca de uma semana, mas ainda será publicada no Diário Oficial do Estado.

As mudanças não param por aí. Desde o final da semana passada, delegados são informados de que serão removidos para outras delegacias. As trocas foram justificadas como necessárias para trazer uma nova dinâmica para as unidades policiais. Muitos profissionais não ficaram satisfeitos com a remoção das delegacias. Eles reclamam que, quando começam a ter boa sintonia com as equipes, são trocados de postos.

Nos corredores da Secretaria de Defesa Social (SDS) também circula a informação de que uma mudança ainda maior pode ser anunciada nas próximas semanas. O delegado Joel Venâncio pode assumir a chefia da Polícia Civil de Pernambuco no lugar de Joselito Kehrle. Se confirmada, será a terceira mudança em menos de três anos.

Kehrle está no cargo desde fevereiro, quando assumiu a chefia no lugar do delegado Antônio Barros.

O governador Paulo Câmara esteve nesta terça-feira (31) no distrito de Pão de Açúcar, levando a tiracolo o ministro dos Transportes Maurício Quintella, isso para autorizar o início de duas importantes obras para a requalificação de trechos da BR-104 em Pernambuco. As intervenções, que beneficiarão mais de 500 mil pessoas, irão proporcionar mais facilidade de acesso ao Polo de Confecções da região, além de gerar oportunidades de emprego e renda para a população.

A primeira ação irá garantir a restauração e duplicação de 13,2 quilômetros (km) da rodovia, do quilômetro 19,8 ao 33, entre a PE-160, no distrito de Pão de Açúcar, e a PE-145, em Toritama. Já a segunda se trata dos serviços de iluminação em um trecho de seis quilômetros da mesma via, contemplando o acesso urbano do município de Caruaru. Serão investidos R$ 78,1 milhões nas obras.

Enquanto isso, a rodovias PE-336 que liga os municipios de Ibimirim a Inajá, e a PE-270 que liga os municipios de Buíque a Itaíba estão quase que intrafegáveis. As fotos acima mostra o quanto o Governo Paulo Câmara precisa para mostrar ao Sertão pernambucano que tem feito alguma coisa para melhorar a sua imagem perante aos que transitam por essas estradas, não só as citadas, mas outras que estão em estado deploráveis. O secretário de Transportes de Pernambuco, Sebastião Oliveira, por ser sertanejo e “saber” que essas rodovias estão nessa situação e não se pronunciar a respeito, tem mostrado que deve ser uma peça importante na “área econômica” do Governo, ou de outra forma já teria sido defenestrado da Secretaria.

“O pior secretário de Transportes que Pernambuco já produziu, mas deve ser um daqueles que engana bem, não ao povo, mas o governador”, disse Gutemberg Fontes, que usa semanalmente essas rodovias e nesta terça-feira (31), tirou as fotografias e enviou ao PE Notícias.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abre seleção para preenchimento de 1.152 mil vagas de recenseador temporário. As oportunidades visam suprir as vagas nos estados ou áreas de trabalho que tiveram candidatos inscritos em número inferior a da oferta, esgotamento dos candidatos aprovados ou a falta de inscritos. Os interessados vão poder se inscrever gratuitamente até o dia 06 de novembro no site da instituição.

O cargo exige nível fundamental completo e a remuneração será por meio da produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio pelo recenseador. A carga horária mínima é de 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no treinamento. Será obrigatório o comparecimento do Recenseador ao Posto de Coleta nos dias e horários estipulados pelo Agente Censitário Municipal (ACM) ou supervisor (ACS).

Os contratos terão duração de trinta dias, podendo haver prorrogação por apostilamento, por iguais períodos, segundo a necessidade do trabalho e/ou disponibilidade de recursos orçamentários.

O processo seletivo vai constar de análise de títulos, sendo de caráter classificatório, que valerá até 10 pontos e, será realizada observada a pontuação por formação do candidato, sendo: ensino Fundamental – um ponto, ensino médio incompleto – três pontos, ensino médio completo – cinco pontos, ensino superior incompleto – sete pontos e ensino superior completo – 10 pontos. O resultado final será divulgada no dia 9 de novembro.

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados rejeitou, nesta terça-feira (31), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 186/12, que pretendia estabelecer para os militares o direito de greve, de livre associação sindical e a outras formas de manifestação coletiva. Como foi considerada inconstitucional, a PEC será arquivada, e o tema não poderá voltar a ser debatido nesta legislatura.

O relator da proposta, deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), explicou que apenas o Executivo poderia propor modificações que tratem da disciplina das Forças Armadas, e por isso a PEC invadia competência de outro Poder, o que é vedado pela Constituição. “Além disso, não podemos regulamentar a greve das polícias militares, que seria uma greve armada. Todos aqui defendem a PM, mas o que se faz armado não é greve, é revolução, e nossa Constituição não permitiria isso”, disse.

Atualmente, a Constituição impede que o militar participe de qualquer movimento de sindicalização e greve. Por isso, é comum ver a associação das mulheres dos militares em busca dos direitos dos maridos.

O autor da proposta, deputado Pastor Eurico (PHS-PE), argumenta que, ao negar o direito de greve e sindicalização, a Constituição nega aos militares a condição plena de cidadania. Ele explica ainda que o Brasil já ratificou convenções internacionais sobre direitos de organização e negociação coletiva com direitos aplicáveis às polícias e às Forças Armadas.

“A partir da ratificação dessas convenções, elas passaram a alcançar necessariamente, as Forças Armadas e as forças auxiliares do País, restando ao legislador apenas a alternativa de definir as normas que serão aplicadas de forma restritiva, mas nunca proibitiva”, justificou.

Torquato Jardim

Estadão

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, acusou políticos e comandantes de batalhão de se associarem ao crime organizado no Rio e disse que “a milícia tomou conta do narcotráfico”. Torquato também afirmou que o governador fluminense, Luiz Fernando Pezão (PMDB), e o secretário de Segurança Pública, Roberto Sá, não têm controle sobre a Polícia Militar. Eles rebateram a declaração.

“Todo mundo sabe que o comando da PM no Rio é acertado com deputado estadual e o crime organizado”, disse Torquato, em conversa com jornalistas, sem citar nomes de possíveis envolvidos. “Comandantes de batalhão são sócios do crime organizado no Rio”.

Para o ministro, o assassinato do tenente-coronel Luiz Gustavo Lima Teixeira, na quinta-feira passada, foi uma retaliação. Comandante do 3.°Batalhão da Polícia Militar do Rio, Teixeira, de 48 anos, foi executado a tiros no Méier, na zona norte. Trata-se do 111.º policial morto neste ano no Estado.

“Nada me tira da cabeça que aquilo foi um acerto de contas”, afirmou o ministro da Justiça. Na tentativa de comprovar sua suspeita, Torquato disse ter chamado a atenção sobre detalhes do crime em recente encontro com Pezão e Sá. “Ninguém assalta dando dezenas de tiros para cima de um coronel à paisana, num carro descaracterizado”, argumentou Torquato. “O motorista era um sargento da confiança dele.”

Teixeira, na realidade, vestia farda. Quem estava à paisana era o cabo Nei Filho, que dirigia o carro. A versão oficial, divulgada até agora, é a de que houve reação a uma tentativa de assalto iniciada por quatro pessoas. A polícia prendeu um suspeito de envolvimento no assassinato.

Torquato disse ter certeza de que a situação no Rio vai melhorar com o apoio do governo federal e uma “interface” com as Forças Armadas. “Podem me cobrar no fim de 2018”, comentou. “Mas a virada da curva ficará para 2019, com outro presidente e outro governador. Com o atual governo do Rio não será possível. Já tivemos ali conversas duríssimas. Não tem comando”.

No seu diagnóstico, a campanha eleitoral de 2018 será dominada por dois grandes temas: economia e segurança pública. “A segurança já passou a saúde”, observou Torquato. 

Reação

O governador e o secretário reagiram. Pezão afirmou, em nota, que o Estado e o comando da polícia “não negociam com criminosos”, ressaltando que “o comandante da PM, coronel Wolney Dias, é um profissional íntegro”. Destacou, ainda, que o ministro nunca o procurou para tratar do assunto abordado.

O governador frisou também que as escolhas de comandos de batalhões e delegacias fluminenses são decisões técnicas e que jamais recebeu pedidos de deputados para tais cargos. 

O secretário Sá disse que as declarações de Jardim causaram “indignação”. “Roberto Sá refuta totalmente as interferências políticas, tendo colocado como premissa básica para assumir o cargo a total autonomia para a escolha dos comandados. Sá reafirma que o Comandante-geral possui autonomia para as escolhas de comandantes de batalhões, feitas por critérios técnicos”, afirma a nota da pasta.

“A despeito de todas as crises pelas quais o Estado passa, incluindo a financeira, que afeta diretamente a remuneração dos agentes públicos, bem como qualquer investimento ou custeio, a Secretaria de Segurança, por meio do incessante trabalho das Polícias Civil e Militar, vem mantendo a produtividade em ações, bem como conseguindo reverter a tendência de aumento de alguns indicadores”, acrescentou Sá.

Tiroteio em Nova York

Pelo menos 8 pessoas morreram e 11 ficaram feridas quando um motorista em uma caminhonete avançou nesta terça-feira (31), sobre ciclistas e pedestres no sul de Manhattan, em Nova York, no primeiro atentado terrorista com mortes na cidade desde o 11 de setembro de 2001. Segundo a polícia, o motorista gritou Allahu akbar (Deus é o maior) quando saiu do veículo carregando duas armas sem munição real.  

Atingido por um oficial no abdômen, ele foi preso e levado a um hospital. A polícia não revelou a identidade do autor, apenas sua idade, 29 anos. De acordo com a NBC News, ele é originário do Uzbequistão e imigrou para os EUA em 2010. Mas a rede de TV ABC disse que ele se chama Sayfullo Saipov e é da cidade de Tampa, na Flórida.

O atentado ocorreu pouco depois das 15 horas (17 horas em Brasília), quando o motorista invadiu com a caminhonete uma ciclovia ao lado do Rio Hudson. O trajetória foi interrompida quando o veículo se chocou com um ônibus escolar, a quatro quadras do World Trade Center. A região do ataque foi isolada por um cordão a cerca de 100 metros do local da ação. Havia pelo menos 200 policiais no entorno. Cães farejadores inspecionavam carros parados e, no fim da tarde, 2 helicópteros rondavam a região.

“Há uma sensação de choque”, disse a enfermeira Patricia Logan, que é natural da Flórida e estava em Nova York para uma entrevista de emprego. Ela contou que estava saindo do Memorial do 11 de Setembro quando viu a aglomeração. “Eu pensei que era alguma festividade de Halloween. Mas não, é tudo real. Infelizmente, esses fatos assustam porque nos EUA eles vêm se repetindo em diversas cidades”.

O governador do Estado de Nova York, Andrew Cuomo, descreveu o motorista como um “lobo solitário”. Segundo ele, “não há nada que sugira uma ampla conspiração”. 

O presidente Donald Trump reagiu com uma mensagem no Twitter: “Em NYC, parece haver outro ataque por uma pessoa doente e desequilibrada. A polícia está seguindo isso de perto. NÃO NOS EUA!”.

Pouco depois, o republicano escreveu uma segunda mensagem, se referindo ao grupo terrorista Estado Islâmico e à campanha liderada pelos EUA no Oriente Médio contra os jihadistas. "Nós não podemos permitir ao EI retornar ou entrar em nosso país após o termos derrotado no Oriente Médio e em outros lugares. Basta!”.

O Tribunal de Contas da União (TCU) detectou que o governo do presidente Michel Temer vem atrasando uma licitação para exploração de um terminal no Porto de Santos e que isso beneficia uma empresa do grupo Rodrimar, que opera na área. A demora em licitar o uso de dois armazéns e de um terminal no porto pode, inclusive, levar à responsabilização dos agentes públicos envolvidos no atraso, segundo o TCU.

Desde setembro, Temer é investigado no Supremo Tribunal Federal (STF) por suspeita de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, num inquérito que apura se um decreto presidencial de 2017 beneficiou a Rodrimar. Na segunda-feira, em entrevista, Temer disse não estar preocupado com o inquérito.

O Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil informou ao TCU que não há obstáculos à licitação da área explorada pela Pérola, empresa formada pela Eurobras, que é do grupo Rodrimar; PCS Fosfatos do Brasil e UltraBulk. Segundo a informação repassada ao tribunal, à concorrência para uso dos armazéns e do terminal no Porto de Santos é uma prioridade do ministério e do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), responsável por privatizações do governo federal.

Mesmo assim, informações do processo do TCU apontam para a publicação do edital somente em 25 de julho de 2018, com assinatura de contrato em fevereiro de 2019, conforme previsão da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), estatal do governo. A Pérola continua operando na área, sem licitação.

No mesmo processo, em monitoramento sobre determinações feitas em anos anteriores, o TCU constatou que o governo Temer demorou a discutir a assinatura de um contrato de transição com a empresa do grupo Rodrimar. Mesmo com o documento extinto em 2014, a Pérola continuou a operar no terminal de granéis no porto, sem o contrato permitido por resolução da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

“DEMORA É GRAVE”

Segundo o TCU, depois de uma disputa judicial, o governo já poderia ter assinado o contrato de transição desde novembro de 2016 — medidas nesse sentido só começaram a ser adotadas em julho deste ano. O contrato foi assinado com a Companhia Docas de São Paulo (Codesp) no último dia 18, para uma movimentação mínima de 41,6 mil toneladas de carga por mês, durante 180 dias. O valor do contrato é de R$ 931 mil.

No mesmo processo, em monitoramento sobre determinações feitas em anos anteriores, o TCU constatou que o governo Temer demorou a discutir a assinatura de um contrato de transição com a empresa do grupo Rodrimar. Mesmo com o documento extinto em 2014, a Pérola continuou a operar no terminal de granéis no porto, sem o contrato permitido por resolução da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

https://abrilveja.files.wordpress.com/2016/11/plenario-camara-dos-deputados-20161124-017.jpg?quality=70&strip=info&crop=37px%2C0px%2C1929px%2C1313px&resize=1000%2C666

Em uma sessão tumultuada, o plenário da Câmara aprovou nesta terça-feira (31), por 294 votos favoráveis, 41 contrários e quatro abstenções, o Projeto de Lei Complementar (PLP) 76/07, que inclui 81 municípios de Minas Gerais e dois do Espírito Santo na área de abrangência da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). Os novos municípios, integrados ao órgão em virtude das condições climáticas semelhantes às do Semiárido, passarão a contar com recursos do Fundo Constitucional do Nordeste (FNE). A matéria segue para apreciação do Senado.

Atualmente, a Sudene abrange totalmente os estados do Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, da Paraíba, de Pernambuco, Alagoas, Sergipe e da Bahia. O órgão já atende a 161 municípios de Minas Gerais e 26 do Espírito Santo. Ao órgão, cabe promover o desenvolvimento includente e sustentável do Nordeste e fomentar a integração competitiva da região nos mercados nacional e internacional.

Segundo a justificava do projeto de lei, a medida tem o objetivo de corrigir a lista de municípios incluídos na atuação da Sudene, “de forma a possibilitar que essas localidades tenham acesso a linhas de crédito especiais, a incentivos fiscais e aos recursos do FNE, bem como aumentar suas alternativas de financiamento às atividades produtivas locais, criando oportunidades de emprego e renda”.

Divergência

Apesar da orientação do PSDB dando apoio à aprovação do projeto de lei, o deputado tucano Betinho (PB) argumentou que a ampliação pode agravar a falta de recursos para os municípios nordestinos localizados no Semiárido do país.

“Em casa que falta pão, todos brigam e nenhum tem razão. Simplesmente aumentar a área de atuação da Sudene não vai resolver o problema se não tiver algo fundamental, que são recursos para financiar as políticas públicas na área do Semiárido”, disse. “Se esse projeto for aprovado e não tiver recursos suficientes, somente aumentará o problema”, concluiu.

Já o deputado petista Leonardo Monteiro (MG) afirmou que o PL “é para fazer justiça porque, quando da votação anterior [que incluiu cidades de outros estados], os municípios ficaram de fora, e são municípios que têm todas as características da área mineira da Sudene”, argumentou.