Pedro Araújo

As informações que traduzem as verdades dos fatos, sem ferir ou denegrir pessoas ou imagens. Como também, nunca procurando agradar aos maus feitores.

O esperado 13º salário do Bolsa Família não deverá ser pago em 2020. A informação foi trazida pelo UOL. Um técnico da equipe econômica do Governo Federal ouvido pelo portal afirmou que o benefício não está em debate.

“As pessoas receberam pelo menos R$ 600 durante cinco meses. Esse valor é bem superior ao Bolsa Família e equivaleria a um 14º e a um 15º. Se pagarmos um 13º para beneficiários do Bolsa Família, também teremos que pagar para quem recebe o auxílio emergencial? Não está claro. Mas essa decisão é política e depende do presidente Bolsonaro. Mas não há debates sobre isso no governo”, disse o técnico da equipe econômica.

Assessores de Bolsonaro também afirmaram que o pagamento do 13º do Bolsa Família não é debatido pelo Planalto e pelas assessorias jurídicas da Casa Civil e da Secretaria Geral da Presidência da República. O Ministério da Cidadania foi procurado pela reportagem, porém não comentou o assunto.

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira inaugura neste domingo (25), o 25º ponto de apoio da saúde na zona rural do município. Será na comunidade do Santo Antônio II. A inauguração será ás 9h, em frente à sede da associação.  

Com toda a estrutura para o atendimento da Atenção Básica em Saúde, o ponto de apoio vai facilitar o acesso à saúde da população, que não irá precisar se deslocar para a sede do município, para realização de consultas ou outros procedimentos médicos. 

Obs: a foto em anexo foi tirada em janeiro deste ano, quando não havia as exigências das autoridades de saúde quanto ao distanciamento social e ao uso de máscara. O vírus, por sinal, ainda não tinha sequer chegado ao Brasil.   

Blog Euflávio Nunes

O tapa buracos que está sendo realizado na PE-304 vem sendo questionado por parte da população de Tabira. A rodovia liga o município ao estado da Paraíba e está praticamente intransitável.

A maioria dos questionamentos ocorre nas redes sociais e se refere à qualidade do serviço. Isso porque a própria secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos de Pernambuco, Fernandha Batista, informou em entrevista no final de 2019 que a PE-304 não suportava mais tapa buracos em função das péssimas condições. A responsável pela pasta disse também que os problemas seriam resolvidos somente com o recapeamento da rodovia, o que aconteceria no segundo semestre de 2020.

Um morador afirmou que o Governo de Pernambuco se contradiz ao realizar o tapa buracos, já que entende que o serviço não é o ideal. “Estão jogando o dinheiro do povo no lixo. É revoltante o que estão fazendo com a gente. Vamos ter que conviver com essa situação até quando. Queremos uma solução definitiva. É uma falta de respeito com a gente que paga os impostos em dia. Mais uma vez, Paulo Câmara tenta nos fazer de palhaços”, desabafou.

Algumas pessoas disseram acreditar que a realização do serviço às vésperas do pleito de 15 de novembro tem caráter eleitoreiro, já que cobranças não faltaram ao longo dos últimos anos e nada foi feito.

Palácio do Planalto

Por Lauro Jardim/O Globo

A temperatura permanece em estado de fervura no Palácio do Planalto. E o motivo ainda é a desavença que explodiu na noite de anteontem a partir de uma nota publicada pela colunista Bela Megale. 

Depois do ataque público de Ricardo Salles ao colega Luiz Eduardo Ramos, os desentendimentos não cessaram. Ontem, Ramos e Salles apareceram numa cerimônia pública ao lado de Jair Bolsonaro, mas o tempo ruim não cessou. Mais: a relação entre Ramos e o chefe da Secom, Fábio Wajngarten, agora é de confronto aberto. 

E, se ontem Salles ganhou apoio nas redes sociais de gente como Eduardo Bolsonaro e Olavo de Carvalho, hoje é a vez de o time de Ramos entrar em campo.

Dois políticos de peso, Ciro Nogueira, presidente do PP e uma espécie de líder supremo do Centrão, e Rodrigo Maia acabam de tuitar em defesa de Ramos. Uma defesa pública, feita sob medida para mostrar de que lado estão nesta disputa.

Escreveu Maia:

— O ministro Ricardo Salles, não satisfeito em destruir o meio ambiente do Brasil, agora resolveu destruir o próprio governo.

Já Ciro assim se manifestou:

— O Progressistas manifesta total apoio ao trabalho do ministro-chefe da secretaria de Governo da Presidência da República, @MinLuizRamos. Sua atuação tem sido fundamental na construção e estabilidade de uma base sólida no Congresso Nacional.

À primeira vista, a briga tem os ministros Salles de um lado e Ramos de outro, e inclui um terceiro contendor, Wajngarten, alinhado ao ministro do Meio Ambiente. Mas extrapola a isso — poderia ser resumida grosseiramente como uma disputa de poder entre os integrantes da ala militar e o Centrão e outras forças do Congresso contra a área ideológica.

Por enquanto, Jair Bolsonaro tem deixado às lanças serem atiradas. E o clima só piora.

Cigarro eletrônico — Foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters

Os cigarros eletrônicos estão proibidos em ambientes coletivos públicos ou privados em Pernambuco. É o que determina a Lei nº 17.087, de 22 de outubro de 2020, promulgada pela Assembleia Legislativa (Alepe).

Essa medida, que foi publicada no Diário Oficial da sexta-feira (23), altera a Lei nº 12.578, de 13 de maio de 2004. Assim, foram estabelecidas normas que complementam a Legislação Federal que trata do uso e consumo de produtos fumígenos no estado.

Com essa alteração, a lei em Pernambuco passou a vigorar da seguinte maneira: “é proibido o uso de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos ou de qualquer outro produto fumígeno, derivado ou não do tabaco, inclusive cigarros eletrônicos e equipamentos assemelhados, em recintos coletivos, privados ou públicos, salvo em área destinada exclusivamente a esse fim, devidamente isolada e com arejamento conveniente”.

A regra determina também, agora, que “a autorização ao uso de produto fumígeno em área destinada exclusivamente a esse fim não se aplica ao uso de cigarros eletrônicos e equipamentos assemelhados enquanto perdurar proibição à comercialização, importação e propaganda de quaisquer dispositivos eletrônicos para fumar, nos termos da legislação federal”.

A lei, promulgada a partir de um projeto de autoria do deputado Romero Sales Filho (PTB), já está em vigor desde a data de publicação.

Regras

De acordo com a lei original, de 2004, são considerados recintos coletivos as áreas de trabalho, elevadores de prédios públicos ou privados, estações de transporte público e agência bancárias, bares, restaurante e boates. Continue lendo

A Gerência Regional de Educação (GRE) Sertão Central realizou a primeira edição do Ciência Jovem Sertão Central – Formando pesquisadores para o futuro. De forma virtual, a feira reuniu trabalhos científicos de estudantes e professores do Ensino Fundamental e Médio, envolvendo toda escola e a comunidade. Além das apresentações dos trabalhos, a feira contou com uma programação de formações para os docentes.  

A iniciativa tem o objetivo expandir e democratizar o acesso ao conteúdo científico, despertando o interesse pela investigação científica, contribuindo para o desenvolvimento dessas habilidades em sala de aula, no Ensino fundamental, Médio e Profissional de forma interdisciplinar, criativa e contextualizada, alinhando as áreas do conhecimento para o desenvolvimento e popularização da ciência das escolas atendidas pela GRE. Para Fátima Moura, gestora da GRE, o momento foi vivenciado com êxito, mesmo em um momento atípico como a pandemia do Covid-19. “Esta ação é de grande importância, pois promove a valorização da pesquisa científica a partir do envolvimento da gestão, professores e estudantes de todas as escolas e modalidades”, declarou. 

Ao todo, 18 trabalhos foram apresentados com temas variados, entre as Ciências da Natureza, Ciências Humanas, Linguagens e suas tecnologias, Matemática, Educação Especial, Tecnológica e Profissional. Ao longo da semana foram realizados workshop com temas de grande relevância para os participantes, como Experimento em sala de aula, Meio Ambiente e Café com Filosofia.    Continue lendo

https://conteudo.imguol.com.br/c/noticias/2013/09/19/chamadas-album-partidos-politicos-2013-1379625396817_956x500.jpg

G1

Um levantamento feito pelo G1 revela que 76 municípios elegeram o mesmo partido para a prefeitura em todas as cinco eleições realizadas desde 2000. Em 2020, após 20 anos, 60 municípios dessa lista ainda têm candidatos a prefeito da mesma sigla. O tempo no poder pode chegar a 24 anos. Entre os municípios identificados está, inclusive, uma capital: Teresina, no Piauí, onde o PSDB é eleito para a prefeitura desde 1992.

O MDB e o PSDB comandam o maior número dessas cidades, embora outras seis siglas também apareçam no levantamento. São 22 cidades governadas pelo MDB há no mínimo 20 anos. Sob o domínio do PSDB há, no total, 18 cidades.

Em seguida vêm PP (12), DEM (8), PTB (6), PT (3) e PSB (2). O levantamento considera o partido do prefeito eleito em cada eleição e também as mudanças de nome das siglas. Atualmente há 33 partidos registrados no TSE e outras 77 siglas estão em processo de formação. Dos 33 partidos em funcionamento, 22 já existiam em 2000.

A maioria das cidades do levantamento tem até 10 mil eleitores. Como a pequena cidade de Nova Castilho, em São Paulo, onde há apenas 1.230 eleitores aptos. Do outro lado está Teresina, a cidade com mais eleitores a aparecer na análise. São 558.661 votantes.

Para a cientista política Marta Mendes da Rocha, professora do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal de Juiz de Fora, a situação encontrada nesses municípios é uma exceção. Ela afirma que houve “enorme renovação” nas prefeituras em 2016 e que a continuidade “está longe de ser a regra”, já que há “muita alternância”. Continue lendo

Vereador Jayme Asfora

O vereador Jayme Asfora (Cidadania), aliado do deputado federal Daniel Coelho, criticou a cassação ao título de cidadã recifense da Delegada Patrícia Domingos (Podemos) na Câmara. Ele aponta posicionamento partidário por parte dos parlamentares que querem “eleger João Campos”.

O requerimento de revogação foi proposto pelo vereador Rinaldo Júnior (PSB), vice-líder de Geraldo Júlio, e protocolado na quarta-feira (21). O motivo foi à fala polêmica de Patrícia publicada no Facebook em 2011, quando ela chamou Recife de “Recífilis”, de cunho pejorativo.

Para Asfora, existem pautas mais urgentes a serem discutidas na Câmara de Vereadores.

“A Câmara Municipal virou um instrumento de ataque da campanha para prefeito do candidato João Campos (PSB). Deveria existir um esforço para aprovar pautas urgentes, como a extinção de auxílios imorais e inconstitucionais, que estamos pleiteando desde 2018, por exemplo”, critica Jayme Asfora.

Segundo o parlamentar, a proposta também uma manobra política para não aprovar a CPI sobre “os suspeitos e vultosos” gastos no valor de meio bilhão de reais realizados sem licitação na Prefeitura do Recife no combate ao coronavírus. “A Câmara sequer discutiu o pedido de instauração da CPI. A direção da Casa passou um trator por cima da votação e rasgou vários dispositivos do regimento interno da Casa, como a exigência da votação nominal. Tudo isso apesar dos fortíssimos indícios de lavagem de dinheiro, superfaturamento das contratações de bens e serviços, empresas fantasmas, organizações sociais de fachada, sócios ‘laranjas’ e licitação dirigida, que fizeram a Polícia Federal ir sete vezes na Prefeitura”, apontou Jayme.

Confira lista dos vereadores que pedem revogação do título de cidadã de Patrícia Domingos:

Alguns vereadores do Recife estavam coletando assinaturas para a revogação da oferta de um título de cidadã recifense para a candidata do Podemos à Prefeitura do Recife, Patrícia Domingos. Continue lendo

Com o tema “Educação Híbrida – o caminho para o futuro”, os onze Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia do Nordeste realizarão de modo online, entre os dias 14 e 16 de dezembro, o 1º Congresso Nordestino de Educação Híbrida e Tecnologias Educacionais. As submissões de artigos, relatos de experiência e propostas de minicursos seguem abertas até o dia 30 de outubro e devem ter relação com os três eixos temáticos: Metodologias Ativas e Ensino Híbrido; Tecnologia, política, sociedade e cultura; e Práticas pedagógicas no Ensino Remoto emergencial. As inscrições para participantes seguem abertas pela plataforma de eventos do IF Sertão-PE.

Para informações sobre cadastramento, tipologia dos trabalhos e processo de submissão, os autores devem acessar o Sistema Eletrônico de Administração de Conferências (OCS). Caso aprovados, os trabalhos serão publicados integralmente nos anais do evento. No momento da submissão, todos os autores devem ter perfil no OCS com cadastro atualizado, a fim de receberem os certificados com os dados corretos. 

O evento objetiva promover a integração institucional por meio de discussões atinentes ao processo educacional, com a participação de professores e estudantes da educação básica, técnica, tecnológica e superior, além de pesquisadores da área de educação a distância. A proposta é oferecer aos participantes uma experiência inovadora de descobertas de novos conhecimentos e ferramentas tecnológicas que devem revolucionar o modelo de educação no Brasil.

Por Sebastião Araújo/Diário de Pernambuco

Quem pretende ir ao comércio de Carnaíba exatamente ao meio-dia e um minuto vai se sentir em algum país da Europa, como a Itália e Espanha, onde a população costuma tirar a famosa “sesta”. Ao meio-dia todas as lojas fecham, aqui e acolá alguma permanece aberta, mas a grande maioria só volta a abrir às 14h e algumas abrem apenas às 15h. Parece que você está num fuso horário diferente. Esse costume é até justificado no Sertão. Sob um calor de 37 graus – na sombra, como se diz -, não é de se admirar que lojistas e funcionários aproveitem esse intervalo para um bom banho e uma soneca, após o almoço. Esta é uma das curiosidades da cidade, que fica a 390 quilômetros do Recife, no Alto Sertão do Pajeú, e possui cerca de 20 mil habitantes.

Mas Carnaíba reserva outras peculiaridades, que chamam a atenção numa cidade do interior. Você vê lojas com placas na porta em português e inglês (fechado-closed, aberto-open) e uma delas se destaca das demais em todo o estado – e quiçá no mundo – por oferecer aos clientes e transeuntes um pequeno “bufê” na entrada. O serviço chama a atenção de quem passa pela Rua José Martins, no Centro da cidade. Uma mesa montada na porta principal da Casa Carvalho, a partir das 6h, oferece café, chá de boldo, biscoito, bolacha, rapadura e água gelada para quem quiser, do caminhoneiro ao aposentado, que dão uma paradinha por lá para se abastecer. Durante todo o dia não faltam nenhuma das comidas e bebidas. Entre café e chá são produzidos entre 15 e 20 litros diariamente.

A loja também oferece bancos, como se fosse numa praça, para os clientes sentarem e ainda disponibiliza quatro banheiros. A iniciativa é do proprietário André Pereira de Carvalho Filho, 42 anos, um católico fervoroso que vê nesse diferencial da sua loja, o fato de agradecer a Deus pelo sucesso nos negócios. “É gratificante poder servir e recompensar o cliente”, revela Andrezinho, como é conhecido. A loja vende do prego ao terço, passando pela ração animal e ainda atende o consumidor na própria residência. “Se ele precisa fazer uma chave ou tem um liquidificador com problema, vamos até lá atendê-lo”, conta o comerciante. “Este serviço não afeta em nada no meu orçamento”.

Profissionalismo

Iniciativas como a de Andrezinho, que unem o social ao empreendedorismo, só têm impulsionado o comércio. São dezenas de lojas e boutiques de roupas, salões de beleza, barbearias da moda e um grande supermercado, o Avistão, que não fica a dever a nenhum outro da capital e possui até posto de atendimento bancário, algo inédito na região. Praticamente todo o comércio da cidade tem uma característica que permeia: a maioria dos comerciantes são oriundos da roça, antes eram proprietários de pequenas bancas na feira, e ofereciam serviços de forma bem acanhada. “Agora, todo mundo saiu do casulo e apareceu”, analisa Alexsandro Queiroz, 39 anos, dono do Avistão. “O comércio de Carnaíba cresceu, tornou-se competitivo e com qualidade”, avalia o empresário. Prova disso é que até o final do ano será inaugurado o mercado público municipal com 32 boxes.

A informalidade e o desconforto de antes, deram lugar ao profissionalismo e adaptações à nova realidade do mercado. Mas ainda há quem preserve aquele gostinho de passado. Aos 75 anos e com 50 na praça, Manoel Pereira de Carvalho, o “seu” Maninho, mantém a Graciosa Móveis dentro de um mesmo padrão, desde a inauguração, em 1970.  As vendas são anotadas em um caderno e na ficha que o cliente recebe e na qual os pagamentos vão sendo registrados. A loja é conduzida pela mulher e filhos de “seu” Maninho. “Nós estabelecemos uma relação familiar com os clientes. Conhecemos todos”.

Após reformas na sua infraestrutura e em equipamentos para operação, com investimentos de emendas do deputado Wolney Queiroz, a partir do dia 11 de novembro, o Aeroporto Oscar Laranjeiras, em Caruaru, terá voos regulares operados pela empresa Azul.

O deputado comemora a conquista e afirma que as operações poderão ser ampliadas de acordo com a demanda. “O que vai garantir esses voos diários que começam no dia 11 é um avião de nove passageiros, são dois voos por dia. Se houver demanda colocam um ATR, que é um avião de setenta passageiros. Se tiver mais demanda, colocam um AirBus que é de duzentos passageiros. O que vai definir isso é a quantidade de passageiros comprando viagens”, frisou.

Eleições 2020 — O presidente estadual do PDT ressaltou o crescimento do seu partido no estado com dezessete candidatos para prefeito e vinte e um para vice-prefeito. Destacou a candidatura de Isabella de Roldão na chapa de João Campos (PSB) no recife. “Conseguimos um feito notável, o PDT nunca teve nos últimos vinte anos uma candidatura majoritária pra valer no Recife. O Partido ter sido escolhido para fazer essa chapa junto com João Campos, que é a grande estrela do PSB nacional, é muito importante para todos nós”, declarou. Continue lendo

REPRODUÇÃO

A Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU), vinculada ao Ministério da Economia, colocou à venda 53 imóveis da União sem uso em todo o país. Os ativos estão localizados no Distrito Federal e nos estados do Acre, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. Os avisos de licitação das concorrências públicas eletrônicas foram publicados na edição desta sexta-feira (23) do Diário Oficial da União. No total, os imóveis estão avaliados em RS 60,3 milhões.

A maior oferta está concentrada no Distrito Federal, onde estão à venda 21 apartamentos funcionais que estão sem uso. Os imóveis estão localizados nas Superquadras Sul 104, 105, 216, 302, 311 e 316 e nas Superquadras Norte 105, 106, 108, 304, 307 e 313. O valor mínimo varia entre RS 637.163, 62 e RS 1.441.694,78. Os certames serão realizados nos dias 24 e 26 de novembro e nos dias 1, 3, 8 e 10 de dezembro.

Outros estados

No Acre, estão à venda duas casas na capital, Rio Branco, avaliadas em RS 312 mil e RS 383,5 mil. O outro imóvel à venda é um terreno de 300 metros quadrados localizado no município de Cruzeiro do Sul, avaliado em RS 64,5 mil. A sessão pública será realizada no dia 8 de dezembro.

Na Bahia, são duas salas localizadas em Salvador. Uma delas está avaliada em RS 135,5 mil e a outra, em RS 140 mil. O outro ativo à venda é um terreno de 466,13 metro quadrados, situado no município de Ilhéus, e avaliado em RS 670 mil. O leilão será realizado no dia 4 de dezembro. Continue lendo

NEIL HALL/POOL/AFP

JC

A semana foi marcada por relatos de médicos preocupados com percepção de aumento nos atendimentos a pessoas que chegam a hospitais privados e consultórios com sintomas sugestivos do novo coronavírus. Apesar de o governo de Pernambuco destacar que há atualmente os menores registros desde março, especialistas ouvidos pelo JC alegam mobilização da rede privada para reabertura de leitos que haviam sido desativados. Os profissionais que atuam nas emergências também informam que um crescimento no aumento de pacientes com quadros leves da doença — aqueles que recebem assistência na unidade, mas não precisam ser internados.

A reportagem entrou em contato com os principais hospitais do Recife, mas foi informada que só a Secretaria Estadual de Saúde (SES) poderia repassar os números. Apenas um dos hospitais, através da assessoria de imprensa, confirmou que houve aumento de quadros leves de covid-19 nos últimos dias. O presidente do Sindicato dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde e Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas do Estado de Pernambuco (Sindhospe), George Trigueiro, diz que os casos suspeitos que têm aparecido têm, em maioria, negativado. “Não vemos o movimento (de aumento de covid-19); pelo menos, não fui reportado. Recebi alguns relatos que considerei fake news. Eventualmente terá um surto ou outro, como tem de conjuntivite, diarreia, herpes, amigdalite. Isso acontecerá quando houver aglomeração, e as pessoas não tiverem cuidado”, frisou George.

Mesmo sem as notificações oficiais apresentarem tendência de aumento de casos, uma fonte entrevistada pelo JC que trabalha em hospital privado, disse que foi preciso reabrir uma das unidades de terapia intensiva (UTI) para pacientes com sintomas de covid-19. Na quinta-feira (22), segundo esse profissional, 11 pessoas estavam nos leitos, o que representa a totalidade de vagas no serviço. Em semanas anteriores, esse número não chegava a cinco. Mais um médico, de outro hospital da rede particular, informou que a instituição precisou reativar 10 vagas de UTI devido ao aumento de pessoas que chegam com quadro respiratório grave sugestivo de covid-19. “Os casos tinham parado de chegar. Mas só hoje, já temos 10 vagas de terapia intensiva ocupadas. O diferencial deste momento é que o índice de gravidade dos pacientes parece ser menor do que na fase de pico da doença”. Continue lendo

O fim de semana chegou e a previsão do tempo para este sábado (24) na Região Metropolitana do Recife será de céu nublado, com chuva rápida e de fraca intensidade nas primeiras horas da manhã e à noite, segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Já a Zona da Mata Norte não recebe chuva e tem céu claro a parcialmente nublado ao longo do dia, com temperatura máxima de 32° C.

Chuva ao longo do dia, de forma isolada, deve acontecer no Agreste. A região tem céu parcialmente nublado a nublado, com temperatura mínima de 17° C.

Confira a previsão completa:

Região Metropolitana

Parcialmente nublado a nublado com chuva rápida de forma isolada nas primeiras horas da manhã e à noite com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 22°

Mata Norte

Céu claro a parcialmente nublado sem chuva em toda a região ao longo do dia.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 22°

Mata Sul

Parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada no período da madrugada e primeiras horas da manhã com intensidade fraca. 
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 32° Mínima: 21°

Agreste

Parcialmente nublado com chuva rápida, de forma isolada ao longo do dia, e com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 33° Mínima: 17°

Sertão de Pernambuco

Claro a parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada no período da tarde e à noite com intensidade fraca.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 39° Mínima: 18°

Sertão de São Francisco

Parcialmente nublado a nublado sem chuva em toda a região ao longo do dia.
Temperatura (ºC): Estável
Máxima: 39° Mínima: 21°

Imerso em polêmica após ser flagrado com dinheiro escondido nas nádegas, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) não é o primeiro parlamentar a pedir licença do Senado Federal e nem o único na fila do Conselho de Ética. Com Chico, a Casa contabiliza, agora, oito parlamentares afastados e 11 processos disciplinares pendentes de análise.

Do total de senadores desligados, cinco apresentaram “licença particular” e três pediram afastamento temporário por questões de saúde. Representantes de Tocantins, Paraíba e Roraima lideram as solicitações de licença por período superior a 120 dias, com dois parlamentares sem exercer o cargo, cada.

Onze suplentes foram obrigados a ocupar o cargo, mas abandonaram o posto após o retorno do titular. Ou seja, desde o início do último mandato, o Senado Federal registrou 19 afastamentos políticos.

Fila no Conselho de Ética

Além de Chico Rodrigues, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), também aguarda julgamento do Conselho de Ética da Casa.

O parlamentar é acusado de cometer irregularidades enquanto deputado estadual pelo Rio de Janeiro. Flávio teria, segundo as denúncias, promovido contratações fantasmas em seu gabinete e instalado suposto esquema de “rachadinha” durante a passagem pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

Quem também acumula processos disciplinares na Casa é Jorge Kajuru (Cidadania-GO). São pelo menos seis representações ofertadas contra o parlamentar, sendo que três partiram do mesmo autor: senador Luiz do Carmo (MDB-GO). Continue lendo