Esporte

Ginásio esteve fechado para melhorias estruturais e modernização

Enfim, o Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães voltou a abrir suas portas. Na manhã desta quinta-feira (24), depois de oito anos fechado para modernizar a estrutura, o Geraldão, localizado no bairro da Imbiribeira, recebeu um número restrito de convidados, em evento que contou com o prefeito da cidade do Recife, Geraldo Júlio, responsável por reinaugurar o espaço. A solenidade respeitou os protocolos sanitários de prevenção à Covid-19. Inaugurado em 1970, o equipamento tem lugar cativo na memória afetiva dos recifenses, e com a repaginação passa a comportar quase 10 mil pessoas. 

A assinatura do edital de licitação para a requalificação do Geraldão foi feita em fevereiro de 2012. O trabalho, de fato, começou em agosto de 2013 e tinha previsão de conclusão para o final de 2015. Mas ajustes técnicos e orçamentários foram feitos no projeto, ampliando assim o prazo de andamento da obra, que custou cerca de R$ 45 milhões. 

Com mais de 20 mil metros quadrados, o novo complexo multiuso conta com placar eletrônico com quatro faces, quadra poliesportiva adaptada aos novos padrões internacionais, duas rampas de acesso para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, coberta termoacústica, sistema de climatização e sonorização. Auditórios, sala para dança, artes marciais e palestras, duas piscinas e três quadras fora do ginásio fazem parte do complexo. 

Segundo Geraldo Júlio, o local entra no radar dos principais eventos esportivos e culturais, nacionais e do mundo. “Será uma característica forte do Geraldão, receber jogos de ligas nacionais, jogos de seleção, internacionais, e também o lado artístico e cultural, além dos religiosos. Serão muitos eventos grandes e temos um equipamento completo na nossa cidade, que pode oferecer todas as condições pra isso. E também ajuda nossa economia. Além do lazer e a diversão, é uma oportunidade para o polo turístico, gastronomia. Então, é um equipamento que vai além de um simples ginásio”, falou o gestor. 

Indo na linha do prefeito, a secretária executiva de Esportes do Recife, Yane Marques, afirmou que, além dos grandes eventos, o Geraldão também vai atender competições esportivas de menos apelo. “O Geraldão foi feito para receber eventos de todos os tamanhos. Essencialmente, eventos esportivos, lógico, mas natural que receba eventos culturais, religiosos, shows e entre outras coisas. O Geraldão está pronto, inclusive, para estes tipos de movimento. Vai atender todas as modalidades esportivas que tem potencial para acontecer nele. Dará todas as possibilidades para o atleta competir, brincar, participar e sair daqui uma pessoa melhor do que entrou”, destacou a ex-pentatleta.  

Cartelas da Mega-Sena, da Loteria Federal

As Loterias Caixa anunciaram nesta quarta-feira (23) o lançamento de mais um tipo de jogo de aposta e sorteio nas casas, o Super Sete. O jogo é feito por colunas: a cartela tem sete colunas, numeradas de 0 a 9. Para cada coluna será sorteado um número. O objetivo é acertar o número sorteado da maior quantidade de colunas – quem acertar ao menos 3 já leva prêmios. 

O primeiro sorteio acontecerá em 2 de outubro (sexta-feira), com prêmio estimado em R$ 1 milhão. Cada aposta custa a partir de R$ 2,50, e o jogo pode ser feito nas casas lotéricas, no site das Loterias ou pelo app Loterias CAIXA, disponível para usuários iOS.

Cada jogador pode marcar de 1 a 3 números por cada coluna, mas o valor do jogo aumenta conforme a quantidade de números marcados – o valor de R$ 2,50 é pela aposta mais simples, de um número por coluna, e um total de 7 números por cartela. 

De acordo com cálculos na própria Caixa, a chance de acertar os 7 números sorteados, neste caso, é de 1 em 10 milhões – a menor probabilidade de todas as combinações. Quem escolhe a opção de apostar em três números em cada uma das 7 colunas (um total de 21), tem uma chance em 4.572 de acertar os 7 sorteados.  

Há também a opção de fazer apostas em grupo, por meio do Bolão Caixa, com valores a partir de R$ 10. 

Os sorteios do Super Sete acontecerão três vezes por semana, sempre as segundas, quartas e sextas-feiras, às 15h. As apostas podem ser feitas até uma hora antes (às 14h).

Estádios estão sem receber público desde março, por conta da pandemia da Covid-19

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) informou que ainda não permitirá a presença de público nos jogos de futebol, apesar do aval dado pelo Ministério da Saúde, nesta terça-feira, ao estudo da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sobre a volta dos torcedores às arquibancadas. 

Através de nota enviada à Folha de Pernambuco, a pasta disse que o Plano de Convivência com a Covid-19 seguirá inalterado, pelo menos por enquanto. “A SES-PE informa que o Plano de Convivência permanece vigente em Pernambuco e, atualmente, não permite a presença de público nos jogos de futebol”, informou a SES-PE. 

Organizadora do Campeonato Brasileiro, a CBF vai analisar quando e como colocará o plano em ação. A ideia inicial é que isso aconteça em outubro. O estudo prevê no máximo 30% da capacidade dos estádios liberada aos torcedores e apenas para o time mandante, enquanto os visitantes seguirão sem acesso aos jogos.

Também será necessária a aprovação das autoridades sanitárias locais, e os times deverão cumprir protocolos estabelecidos pelo governos de cada região. 

Com o aval do Ministério da Saúde, a CBF irá convocar dirigentes de clubes para uma reunião para definir a partir de quando e em quais condições será possível contar com a presença de público nos estádios de futebol.

Por Franklin Portugal*

Nossas participações aqui semana a semana terão sempre um tom de mudança. Sim, mudança porque vão acompanhando o sobe e desce de rendimento dos times. Algumas observações serão alteradas, mas outras ficarão as mesmas.

No caso do Sport Recife na série A do Brasileirão, essas “ficarão sempre as mesmas”, é um elogio. Um elogio porque o time comandado pelo técnico Jair Ventura vai cada vez mais, ganhando organização e padrão de jogo, um esquema que tem funcionado bem em ambas as situações: quando a equipe tem a bola, se move ofensivamente e com variação de jogo e velocidade; e quando está sem a bola se compacta, dificultando a criação do adversário. Foi assim no último domingo, na Ilha do Retiro, na vitória por 1 x 0 diante do Fluminense. E espera-se que seja também assim contra o Corinthians, amanhã, também jogando em casa, no Recife.    

Com relação ao Náutico, pela Série B, o Timbu perdeu uma valiosa oportunidade de colar ali pertinho do G4. Pela pontuação que conseguiria com a vitória, os 16 pontos não entrariam nesse privilegiado grupo dos melhores classificados, mas ficaria na porta. Só que empatou com a Chapecoense, de Santa Catarina, nos Aflitos por 1 x 1. Por pura desatenção da zaga nos acréscimos já para o fim do jogo. Vai ter chance de reaver esses pontos contra o Sampaio Corrêa, marcado para próxima rodada em São Luís, mas na tabela está sem data, porque o time maranhense está voltado para as finais do estadual maranhense.

Falamos em empate do Náutico, também teve outro sem sair da igualdade de placar, o Santa Cruz, que ficou no 0 x 0 na Arena da Amazônia contra o Manaus. Tudo bem, o Santa é líder do grupo A, com 14 pontos. Convenhamos, foi um empate fora de casa, é bom trazer 1 ponto pra casa. Mas, com a vitória, o Tricolor se isolaria ainda mais na primeira colocação. Por exemplo, o Vila Nova, de Goiás, é o segundo, com 12 pontos, só a 2 do Santa.

Neste fim de semana que passou, também teve o início da Série D. Nessa divisão, o Central conseguiu um empate longe de Caruaru, com o Jacyobá de Alagoas: 2 x 2. Agora pega o Itabaiana de Sergipe no próximo domingo, em casa. O Salgueiro não jogou porque o Guarany de Sobral teve 12 jogadores com covid-19, e essa partida foi adiada.

Mas, o Afogados FC jogou em casa, e começou bem a sua primeira Série D da história. Primeira e Adelmo Soares já faturou os 3 pontos com a equipe em seu comando. Tá certo que o jogo foi fraco, e o goleiro Jean do Floresta “forneceu” um belíssimo frango no domingo passado, ao “aceitar” a bola contra as próprias redes no chute de Allan da Coruja. Vitória por 1 x 0 nestas condições? Pode ser, mas que é importante estrear ganhando, porque psicologicamente influencia para a próxima partida, contra o Campinense, em Campina Grande (PB), no sábado que vem. 

*Franklin Portugal é repórter da TV Asa Branca – Afiliada Globo em Caruaru – e colabora semanalmente com crônicas esportivas para o Blog PE Notícias.

A Caixa Econômica Federal sorteou, na noite deste sábado (19), quatro loterias: os concursos 2301 da Mega-Sena, 2036 da Lotofácil, 2133 da Dupla Sena e 1539 da Timemania. O sorteio é realizado no Espaço Caixa Loterias, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo.

MEGA-SENA

O prêmio da Mega-Sena seria de R$ 36.675.402,77 a quem acertasse todos os números, mas acumulou mais uma vez. O prêmio agora vai a R$ 43 milhões, com sorteio na quarta-feira (23).

Veja as dezenas sorteadas: 17 – 18 – 35 – 36 – 47 – 52.

A quantidade de ganhadores da Mega-Sena e o rateio podem ser conferidos aqui.

DUPLA SENA

Com prêmio previsto de R$ 150 mil para quem acertar as dezenas, a Dupla Sena teve as seguintes dezenas.

Primeiro sorteio: 06 – 07 – 13 – 21 – 33 – 47. 

Segundo sorteio: 03 – 06 – 16 – 17 – 20 – 40.

A quantidade de ganhadores da Dupla Sena o rateio podem ser conferidos aqui.

LOTOFÁCIL

Com prêmio previsto de R$ 1,2 milhões para quem acertar as dezenas, a Lotofácil teve as seguintes dezenas sorteadas: 04 – 05 – 06 – 07 – 08 – 11 – 12 – 13 – 17 – 18 – 19 – 21 – 22 – 23 – 25.

A quantidade de ganhadores da Lotofácil o rateio podem ser conferidos aqui.

TIMEMANIA

Com prêmio previsto de R$ 3 milhões para quem acertar as dezenas, a Timemania.

As dezenas sorteadas foram: 08 – 23 – 26 – 31 – 44 – 59 – 78.

O Time do Coração sorteado foi Vasco da Gama/RJ.

A quantidade de ganhadores da Timemania e o rateio podem ser conferidos aqui.

Afogados foi eliminado pela Ponte Preta na terceira fase da Copa do Brasil. Foto: Twitter/Afogados

Blog do Torcedor

Após a fase preliminar, a Série D começa ‘valendo’ neste sábado (19). Com Afogados, Central e Salgueiro representando o futebol de Pernambuco, o trio se junta a mais 61 equipes que vão em busca do acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. Com relação ao formato, terá um modelo inédito. Isso porque em 2020 são 64 times na fase de grupos – e não 68 como em outros anos. Os clubes são divididos em oito chaves, com oito times por grupo e em jogos de ida e volta. Os quatro melhores de cada chave avançam para a segunda fase da competição.

A segunda fase já conta com o primeiro mata-mata entre os 32 envolvidos. Os 16 melhores garantem vaga nas oitavas de final da Série D. Em seguida, os oito melhores disputam, novamente em outra fase eliminatória, os quatro clubes que vão estar na Série C em 2021. Na semifinal, já com todo mundo classificado à terceira divisão, o Brasil vai conhecer os finalistas. E, claro, depois vem a final para saber quem será o campeão da quarta divisão nacional.

AFOGADOS FC

O Afogados entra em campo neste domingo diante do Floresta-CE, às 16h. A partida também marca a estreia do técnico Adelmo Soares, que assumiu a equipe depois da demissão de Pedro Manta, responsável pela boa campanha do Afogados na Copa do Brasil e também no Campeonato Pernambucano, sendo semifinalista da competição. A Coruja do Sertão entra no torneio buscando fazer ainda mais história em busca do acesso. Para a estreia, o treinador não vai contar com dois jogadores que testaram positivo para a covid-19 e já estão em isolamento.

No Estadual deste ano, o Afogados caiu na semifinal diante do campeão Salgueiro. Na Copa do Brasil, a Coruja do Sertão caiu contra a Ponte Preta. No entanto, a temporada já é histórica por si só, já que o clube conseguiu eliminar o Atlético-MG no torneio nacional.

Jogos do Afogados no primeiro turno

20/09 – Afogados x Floresta-CE, às 16h, no Vianão

26/09 – Campinense x Afogados, às 16h, no Amigão

30/09 – Afogados x Globo-RN, às 20h, no Vianão

03/10 – América-RN x Afogados, às 16h, na Arena das Dunas

11/10 – Afogados x Salgueiro, às 16h, no Vianão

14/10 – Afogados x Atlético-PB, às 16h, no Vianão

18/10 – Guarany-CE x Afogados, às 16h, no Estádio Junco.

SALGUEIRO

Campeão pernambucano pela primeira vez, o Salgueiro quer terminar a temporada em alta. A equipe estreia no próximo domingo (20), diante do Guarany-CE, fora de casa, e vai em busca do acesso. Sob o comando do técnico português Daniel Neri, o Carcará entra na competição com o objetivo de conquistar uma vaga na Série C, divisão de onde foi rebaixado em 2018. O clube do interior chega em alta após o título inédito do Estadual, mantendo a base que fez história não só no Salgueiro, mas também no futebol pernambucano com o troféu do Campeonato Pernambucano.

O Salgueiro entra na Série D buscando manter a sua maior marca na temporada: a competitividade. Seja em casa ou fora, o Carcará conseguiu ser muito competitivo diante dos seus adversários – inclusive quando era inferior, como por exemplo diante dos times da capital. Com um sistema defensivo sólido e comandado pelo zagueiro e capitão Ranieri, o Carcará também é um time que toma poucos gols. Nos três jogos da fase final do Campeonato Pernambucano, o time tomou apenas um gol de bola parada, justamente no primeiro jogo da final contra o Santa Cruz.

No ataque, a principal peça é o experiente atacante Ciel. De contrato renovado, ele pretende repetir o mesmo sucesso que teve na reta final do Campeonato Pernambucano. É o principal nome do setor ofensivo, já que Muller Fernandes pediu para deixar o Salgueiro na última semana, alegando motivos pessoais. Ele, inclusive, é o artilheiro do Carcará na temporada, e cobrou o pênalti decisivo que deu ao clube o título histórico do Estadual.

Jogos do Salgueiro no primeiro turno

20/09 – Guarany-CE x Salgueiro, às 16h, no Estádio Junco

26/09 – Salgueiro x Atlético-PB, às 19h, no Cornélio de Barros

30/09 – América-RN x Salgueiro, às 20h, na Arena das Dunas

03/10 – Salgueiro x Globo-RN, às 19h, no Cornélio de Barros

11/10 – Afogados x Salgueiro, às 16h, no Vianão

14/10 – Campinense x Salgueiro, às 20h, no Amigão

17/10 – Salgueiro x Floresta-CE, às 19h, no Cornélio de Barros.

CENTRAL

O Central é o primeiro time pernambucano a estrear neste sábado, diante do Jacyobá, fora de casa, às 15h. E o Alvinegro tem uma bronca pesada para o confronto, já que oito jogadores testaram positivo para a covid-19 no elenco e estão fora por conta disso. Além desses problemas, o clube também não passa por momentos mais tranquilos nos bastidores, onde se especulou que o técnico Sílvio Criciúma pudesse deixar o comando da equipe.

E o time vai em busca do tão sonhado acesso, após bater na trave tantas vezes. No Estadual deste ano, a Patativa conseguiu avançar ao mata-mata da competição, mas foi eliminada pelo Náutico nas quartas de final do torneio. Uma das principais peças da equipe, o lateral-direito Polegar permanece e pode assumir esse papel de liderança da equipe no domingo. Antes de fazer a estreia na Série D, a equipe realizou alguns amistosos como forma de preparação.

Jogos do Central no primeiro turno

19/09 – Jacyobá-AL x Central, às 15h, no Coaracy Fonseca

27/09 – Central x Itabaiana-SE, às 16h, no Lacerdão

30/09 – Potiguar-RN x Central, às 20h, no Estádio Nogueirão

04/10 – ABC-RN x Central, às 16h, no Frasqueirão

11/10 – Central x Vitória da Conquista-BA, às 16h, no Lacerdão

14/10 – Frei Paulistano-SE x Central, às 16h, no Estádio Titão

18/10 – Central x Coruripe-AL, às 16h, no Lacerdão.

Por Franklin Portugal*

Mais uma semana começando, e mais jogos agendados para os nossos clubes pernambucanos. A primeira pincelada de hoje é em relação à Série A, e na Primeira Divisão do Brasileiro, temos o Sport que melhorou bastante em relação àquela equipe frágil e desorganizada ainda no Estadual e nas primeiras rodadas da competição nacional. Pode até ter perdido para o Fortaleza na nona rodada, mas isso não reflete a realidade: um rubro-negro que vai ganhando consistência. Foi outro bom resultado do domingo, um 2 x 2 com Palmeiras, e em São Paulo. Pois é, o Palmeiras do técnico Wanderley Luxemburgo. O próximo desafio do Sport agora será na Ilha do Retiro, domingo que vem, contra o Fluminense.

Já pela série B, o Náutico vem perseguindo o G4, por enquanto está com 13 pontos na oitava posição da tabela. O primeiro time na porta do G4 é  América-MG, em quarto lugar, com 17 pontos, ou seja, não é uma missão impossível fazer uma boa sequência de vitórias para entrar nesse grupo. O Timbu vai pegar agora a Chapecoense, na próxima sexta-feira, nos Aflitos. E vai motivado, porque venceu e venceu bem o Botafogo-SP na última rodada, por 3 x 1, e os três gols do Náutico foram senhores gols mesmo, chutes fortes de longa distância, de rara beleza.

O Santa Cruz é a equipe que vem desbravando a Série C. E com aproveitamento. É o primeiro colocado do seu grupo, com 13 pontos, com 4 vitórias, e só uma derrota em 6 jogos. O Santa joga agora contra o Manaus no próximo sábado, na Arena da Amazônia. O Tricolor vai ter que enfrentar o adversário em campo e o calor, absurdo por lá estes dias. Ontem (14), finalizando a rodada, o Ferroviário-CE ficou no 0x0 fora de casa com a Jacuipense. O jogo foi realizado no estádio de Pituaçu, em Salvador-BA.

Com o resultado, o time cearense foi para 11 pontos, dois a menos do que o Santa Cruz, que com a vitória sobre o Remo, no último domingo (13), alcançou os 13 pontos. Com isso o Santa Cruz vai se distanciando e consolidando cada vez mais essa liderança. A Cobra Coral entra em campo então sábado…

Porque no domingo tem estreia de outro pernambucano, o Afogados FC faz o primeiro jogo no Vianão, pela Série D, contra o Floresta do Ceará. A Coruja está no mesmo grupo do Salgueiro. A série D ainda conta com o Central como terceiro representante do Estado. Na próxima terça-feira teremos espaço para falar sobre como foi essa abertura de Série D para estes batalhadores do futebol. 

*Franklin Portugal é repórter da TV Asa Branca – Afiliada Globo em Caruaru – e colabora semanalmente com crônicas esportivas para o Blog PE Notícias.

O SBT fará a sua estreia na principal competição do continente sul-americano. A emissora transmite, nesta quarta-feira (16), duas partidas envolvendo times brasileiros na Taça Libertadores da América: Bolívar (BOL) x Palmeiras e Universidad Católica (CHI) x Grêmio.

O primeiro confronto será exibido pelo SBT para praticamente todo o país, com exceções dos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, que ficarão com as emoções de Universidad Católica x Grêmio.

A narração de Bolívar x Palmeiras terá o comando de Téo José, que deixou os canais Disney. Outros nomes renomados do jornalismo esportivo brasileiro também podem ser anunciados a qualquer momento como são os casos de Mauro Betting (comentarista) e André Galvão (repórter).

Período de transmissão

O SBT assinou contrato com a Conmebol até o fim da temporada de 2022. O acordo foi celebrado por Silvio Santos, dono da emissora. Até as quartas de final, o SBT na Libertadores poderá mostrar dois jogos por rodada – normalmente, um jogo regionalizado e outro para todo o país. A partir das quartas, o SBT tem direito a uma partida, incluindo a final única exclusiva na TV aberta, que neste ano, vai acontecer no estádio do Maracanã.

A Lotofácil da Independência deste ano teve 50 apostas ganhadoras. Cada uma levou uma bolada de R$ 2.499.998,20. Uma aposta foi feita em Pernambuco.

São Paulo teve a maior quantidade de ganhadores: 14. Na sequência, aparece o canal eletrônico (site de apostas da Caixa), com seis ganhadores. Rio Grande do Sul e Santa Catarina tiveram quatro ganhadores cada. Minas Gerais e Sergipe aparecem a seguir, com três. Com dois ganhadores: Bahia, Espírito Santo, Goiás, Pará e Rio de Janeiro. Ceará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Paraná e Rio Grande do Norte tiveram um sortudo cada.

Outros 8.408 bilhetes fizeram 14 pontos. Neste caso, o prêmio será de R$ 942,83 para cada um. Com 13 pontos, foram 246.828 apostas ganhadoras, com prêmio de R$ 25. Já com 12 pontos foram 2.702.658 bilhetes contemplados, que levarão R$ 10. E, por fim, serão pagos R$ 5 a cada uma das 13.506.290 apostas ganhadoras.

Os números sorteados foram: 02 – 03 – 04 – 05 – 06 – 09 – 10 – 12 – 14 – 15 – 17 – 19 – 22 – 23 – 25.

Além da Lotofácil, foram sorteados mais quatro loterias: os concursos 5364 da Quina; 1536 da Timemania; 2130 da Dupla Sena; 355 do Dia de Sorte; e 2298 da Mega-Sena.

MEGA-SENA (ACUMULOU)

A Mega-Sena 2298, que acumulou, tinha o prêmio previsto de R$ 6 milhões para quem acertasse as dezenas. O prêmio estimado para o próximo sorteio é de R$ 9 milhões.

Teve os seguintes números sorteados: 13 – 17 – 21 – 31 – 41 – 49.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.  

QUINA

A Quina, que tinha um prêmio previsto de R$ 11,8 milhões para quem acertasse as cinco dezenas.

Os seguintes números sorteados: 03 – 38 – 50 – 69 – 78.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.  

TIMEMANIA

A Timemania, com um prêmio previsto de R$ 2,5 milhões para quem acertasse as sete dezenas.

Teve os seguintes números sorteados: 08 – 09 – 25 – 32 – 46 – 70 – 77. 

O time do coração é o Goiás/GO.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui. 

DUPLA SENA

A Dupla Sena, que tinha um prêmio previsto de R$ 5,3 milhões para quem acertasse as seis dezenas do primeiro ou segundo sorteio.

Teve os seguintes números sorteados:

Primeiro Sorteio: 04 – 13 – 25 – 30 – 40 – 44.

Segundo Sorteio: 08 – 12 – 15 – 16 – 26 – 48.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.  

DIA DE SORTE

O Dia de Sorte, com um prêmio previsto de R$ 1,8 milhão para quem acertasse as sete dezenas.

Os números sorteados foram: 04 – 12 – 13 – 16 – 19 – 22 – 31.

O mês da sorte é julho.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui. 

Por Franklin Portugal*

O esporte de uma forma geral tem muito disso: mudança. É isso aí. Nada fica estagnado por muito tempo. Ou se tem melhora. Ou piora nos rendimentos. E as avaliações vão junto, mudando conforme o que se tem à vista.

Com o Sport Recife cabe muito bem essa ideia explicada acima. Nas últimas semanas, o Leão da Ilha que disputa a Série A do Brasileirão vinha sendo alvo de críticas. E críticas não sem fundamento. É porque estava doloroso ver esse representante de Pernambuco jogar a divisão de elite do futebol brasileiro. Mas, eis que após duas rodadas, as duas últimas, o novo técnico Jair Ventura implantou sua filosofia de jogo e movimentação tática, e não é que deu resultado? vitória de 2 x 1 sobre o Grêmio lá em Porto Alegre, e neste último domingo também por 2 x 1 em cima do Goiás, na Ilha do Retiro. O rubro-negro saiu lá da zona de degola e subiu para nono. Pega o Fortaleza amanhã (09) na capital cearense.

Já com os outros representantes do Estado, Santa e Náutico, não deu pra comemorar no fim de semana. O Santa perdeu pro Vila Nova, em Goiânia, 1 x 0, e o Náutico para o Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul, 2 x 1. Os dois times têm algo em comum: apesar das derrotas, as equipes têm uma organização, e mostram potencial para crescer mais na competição. Não foram tropeços que evidenciam fragilidade, mas sim a necessidade de um ou outro ajuste.

O Náutico pela Série B pega agora o Botafogo de São Paulo no próximo sábado, nos Aflitos. Já o Santa Cruz pela Série C enfrenta o Remo no domingo, esse considerado um jogaço a ser visto.

Não estamos falando por enquanto em Série D pela distância ainda no calendário.  Mas, só pra frisar, que a fase preliminar já começou, e que o Afogados FC, já garantido na competição, sem precisar passar por essa fase que agora tá sendo realizada, vai estrear no próximo dia 20 de setembro, no estádio Vianão, em casa portanto, contra o Floresta do Ceará.

*Franklin Portugal é repórter da TV Asa Branca – Afiliada Globo em Caruaru – e colabora semanalmente com crônicas esportivas para o Blog PE Notícias.

Das quatro divisões do Campeonato Brasileiro, a Série D é a mais nacional. Os 26 estados e o Distrito Federal estão representados pelos 68 clubes que iniciam a competição. A bola começa a rolar neste domingo (06), com os jogos de ida da etapa preliminar, que reúne oito equipes.

A edição 2020 da Série D terá 10 datas a mais que no ano passado. O formato também mudou com os 64 times da fase de grupos divididos em chaves de oito, garantindo, pelo menos, 14 partidas às equipes participantes, contra apenas seis em 2019. A extensão do calendário atende a uma demanda de clubes e, principalmente, atletas. Antes, a primeira fase da competição terminava ainda no primeiro semestre e muitos jogadores chegavam ao meio da temporada desempregados.

A criação da fase preliminar é consequência da mudança de formato. Ela reúne os vice-campeões de 2019 nos oito estados pior colocados no ranking de federações da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), ou, no caso do Espírito Santo, o campeão da copa estadual. Os jogos de ida, neste domingo, são os seguintes, no horário de Brasília:

15h – Real Noroeste (ES) x Aquidauanense (MS)

16h – Ji-Paraná (RO) x Nacional (AM)

16h – Tocantinópolis (TO) x Brasiliense (DF)

17h – Baré (RR) x Ypiranga (AP)

Duas apostas acertaram as seis dezenas e vão dividir o prêmio do concurso 2296 da Mega-Sena, sorteado na noite deste sábado (05). Cada uma vai levar para casa R$ 47.160.446,98.

De acordo com a Caixa, uma das apostas foi feita em Campinas (SP). A outra foi efetuada por meio de canal eletrônico e ainda não há informações sobre a cidade de residência do ganhador.

As dezenas sorteadas foram 01 – 06 – 21 – 29 – 36 – 59.

Além dos dois acertadores da Sena, o concurso teve 166 ganhadores da Quina (prêmio de R$ 39.028,74 para cada) e 8.642 vencedores da Quadra (prêmio de R$ 1.070,97, cada).

O próximo sorteio será realizado na quarta-feira (09). O prêmio está estimado em R$ 2,5 milhões.

Ninguém acertou as seis dezenas da Mega-Sena desta quarta-feira (02), segundo a Caixa Econômica Federal. Dessa forma, o prêmio acumulou pela 10ª vez e deve pagar o prêmio estimado de R$ 95 milhões no próximo sorteio, previsto para sábado (05).

Os números sorteados foram: 06 – 13 – 26 – 28 – 35 – 41.

Apesar de ninguém ter acertado as seis dezenas, 162 apostas acertaram cinco números e cada uma levou R$ 33 mil. Outras 9.693 apostas acertaram quatro dezenas e levaram R$ 788 cada. 

Por Franklin Portugal*

Essa semana não tinha como começar diferente. E assim inicio ao ritmo de parabéns, por que não? Não parabéns de aniversário de alguém, mas parabéns pelo desempenho. E o aproveitamento a ser elogiado é do Sr. tricolor, o Santa Cruz.

Quem diria? De ter perdido o título Estadual para o Salgueiro a uma equipe de cabeça erguida e líder da Série C surpreende. O Santa tem na competição 4 jogos, sendo 3 vitórias e 1 empate. É um time que vai se ajustando, melhorando a cada rodada.  No próximo confronto, o Santa viaja, pega o Vila Nova de Goiás, no dia 5 de setembro.  E excelentes testes para o tricolor serão contra os bem colocados na Série C, Remo, 3º lugar, na sexta rodada, no Arruda no dia 13, e o Ferroviário, 2º lugar, nona rodada, lá no Ceará, somente em 5 de outubro.

Já o Náutico finalmente pôde comemorar a primeira vitória na Série B, vejam só, somente na sexta rodada, e foi logo fora de casa. Sim, a vítima foi o Guarani de Campinas. O Timbu venceu por 2 x 1, uma virada sensacional, com o último gol nos acréscimos, a segundos do apito final. Mas, o Náutico está tendo muita dificuldade jogo após jogo para se encontrar.  Não é culpa claro, do recém-chegado técnico Gilson Kleina. Ele implanta o sistema de jogo dele, e os atletas precisam assimilar para o torcedor poder ver as jogadas fluírem a partir das laterais, meio campo e ataque. A próxima chance de observar isso será hoje mesmo, nos Aflitos, às 21h30, Náutico x Figueirense.

Entre os três representantes de Pernambuco no Brasileiro, nas três divisões, a situação do Sport é a que mais oferece motivo para lamentação. E não é só nos números quando se olha a tabela. É ver o time jogar, aliás, jogar não, se arrastar em campo.  Impressionante como o Leão é desorganizado. Da zaga para o meio campo, do meio para frente, o ataque, não há um sistema limpo, eficiente, com jogadas rápidas e de infiltração. Não há qualidade nos passes, o que é bem sério para um time na Série A. Eu pude acompanhar pela Globo Recife, Curitiba x Sport, no último domingo. É terrível ver o Sport ciscar ao redor da área, mas não tem penetração no ataque. No fim todo mundo viu: pênalti marcado nos acréscimos em favor do Coxa, que resultou no único gol da partida. O Leão é o vice lanterna, e já depois de amanhã, pega outra pauleira, o Grêmio, campeão gaúcho, lá no Rio Grande do Sul. E com tamanha desorganização rubro negra, diante de um adversário que gosta de empurrar chimarrão amargo pra cima dos visitantes, eita, prepara o coração técnico Jair Ventura e torcedores.

*Franklin Portugal é repórter da TV Asa Branca – Afiliada Globo em Caruaru – e colabora semanalmente com crônicas esportivas para o Blog PE Notícias.

A Mega-Sena sorteou, neste sábado (29), o prêmio acumulado há oito concursos e estimado em R$ 53,4 milhões. As seis dezenas do concurso 2.294 foram sorteadas, às 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. Confira os números: 

MEGA-SENA

A Mega-Sena, que tinha um prêmio de R$ 53.462.420,46 milhões para quem acertasse as seis dezenas.

As dezenas sorteadas foram: 09 – 15 – 20 – 33 – 41 – 43.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui. 

QUINA

A Quina (concurso 5.353), com um prêmio previsto de R$ 1.468.587,17 milhão para quem acertar as dezenas.

Os números sorteados foram: 27 – 73 – 25 – 67 – 77.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui. 

DUPLA SENA

A Dupla Sena (concurso 2.124), com prêmio previsto de R$ 3,3 milhões para quem acertar as dezenas, teve os seguintes números sorteados:

Primeiro sorteio: 26 – 42 – 27 – 41 – 04 – 46;
Segundo sorteio: 30 – 45 – 48 – 21 – 40 – 49.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.

DIA DE SORTE

O Dia de Sorte (prêmio estimado de R$ 300 mil) para quem acertar as 07 dezenas.

Os números sorteados foram: 02 – 10 – 17 – 25 – 26 – 28 – 29.

Mês da sorte: 10 (outubro). A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.

TIME MANIA

A Time Mania (concurso 1.530), que tem prêmio previsto de R$ 1,3 milhão para quem acertar as dezenas.

Os números sorteados: 19 – 22 – 29 – 43 – 67 – 71 – 76.

A quantidade de ganhadores pode ser conferida aqui.

Time do coração: 59 (River/PI)

LOTOFÁCIL

A Lotofácil (concurso 2.024), que tem prêmio previsto de R$ 1,2 milhão para quem acertar as dezenas.

Os números sorteados foram: 01 – 02 – 03 – 04 – 05 – 06 – 08 – 09 – 11 – 14 – 17 – 18 – 21 – 23 – 24.

A quantidade de ganhadores podem ser conferidos aqui.