Marco Antônio Teixeira

MDB, PSD, PP, PL e DEM concentram 60% dos proprietários rurais do Congresso, segundo levantamento inédito do Observatório do Legislativo Brasileiro (OLB) sobre a representação de interesses do agronegócio nas duas casas.

O estudo revela ainda que mais de 20% das bancadas do DEM e do MDB são compostas por proprietários – 23% e 25%, respectivamente.

A maior parte dos donos de terras está concentrada no Senado. São 26% dos parlamentares, segundo dados do TSE. O percentual sobe para 35% se também forem incluídos dados do Incra. Esses números, segundo o estudo, garantem uma sobrerrepresentação de proprietários rurais em comissões permanentes voltadas para temas relativos à agropecuária e ao meio ambiente.

A Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), fundada entre 1987 e 1988, é a maior frente parlamentar mista atualmente no Congresso, reunindo quase 50% dos membros de cada casa. São 246 deputados e 39 senadores. Na Câmara, 62% dos membros das comissões permanentes voltadas para agropecuária e meio ambiente pertencem à FPA.