Quartel, general, exército, continência

Apesar de negar a gravidade da pandemia e ser firmemente contra o isolamento social, o presidente Jair Bolsonaro prorrogou em três meses o prazo para que os jovens que completam 18 anos em 2020 façam o seu alistamento militar.

Concretamente, passa de 30 de junho para 30 de setembro, de acordo com o decreto de Bolsonaro publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (29).

Em março, o ministro Fernando Azevedo e Silva, da Defesa, já havia, prudentemente, baixado uma portaria determinando que o alistamento passasse a ser feito somente pela internet, como forma de evitar aglomerações.