Barcos irão percorrer 292 milhas náuticas até Fernando de Noronha / Arnaldo Carvalho/JC Imagem

Será dada a largada para a 29ª edição da Regata Recife/Fernando de Noronha. A Refeno é a maior regata oceânica do Brasil e uma das mais importantes da América do Sul. Neste sábado, 48 barcos irão medir forças em busca de um único objetivo: chegar ao arquipélago pernambucano com o menor tempo possível. A cerimônia começa às 11h, no Marco Zero do Recife, com o desfile das embarcações. A partida do primeiro grupo será ao meio dia.

Onze Estados brasileiros estarão representados (ver lista mais a baixo). Outros dois países também irão marcar presença na competição. Ao todo, serão 292 milhas náuticas até Noronha.

Pernambuco será o Estado com o maior número de embarcações presentes na Refeno. Quatorze ao todo. Depois vem o Rio de Janeiro, com dez.

Os barcos serão do tipo multicasco e monocasco. Divididos em nove categorias: Catamarã, Mocra, RGS A, RGS B, ORC, Aberta, Bico-de-Proa, Aço e Turismo. Todos foram separados em três grupos para a largada. Primeiro, sairão os que devem levar mais tempo para chegar à Ilha (previsão de chegada para o fim da tarde da segunda-feira). Às 12h30 saíra outra leva de competidores. Os candidatos ao troféu Fita Azul – dado a embarcação que completar no menor tempo – serão os últimos a zarpar do Marco Zero, às 13h.

Os gaúchos do Camiranga são, mais uma vez, os grandes favoritos ao título. Tricampeão, o monocasco pretende fazer um tempo inferior ao do ano passado, quando terminou em 19h56min40s. Mas essa contagem está longe de ser o recorde da prova. Em 2007, o baiano Adrenalina Pura fez em 14h34min54s.

Os amantes da vela poderão acompanhar os veleiros em tempo real por meio do site da Refeno. Todas embarcações estarão equipadas de um dispositivo chamado Spot, que emite a localização dos competidores via satélite.

AÇÃO SOCIAL

Assim como já aconteceu nos últimos anos, o Cabanga Iate Clube, um dos organizadores da Refeno, irá levar uma ação de cunho social ao Arquipélago de Fernando de Noronha. O clube náutico irá fazer a distribuição de 300 kits escolares às crianças do Centro de Integração de Educação Infantil Bem-Me-Quer. Além disso, também haverá uma ação médica no hospital São Lucas, na própria Ilha.

A premiação dada aos vencedores de cada classe e do Fita Azul será na quarta-feira, às 18h, no Museu do Tubarão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *