Blog de Joãozinho Teles

A vereadora Flávia Santana talvez tenha se notabilizado como sendo a política mais sem compromisso ou indecisa que já atuou na política em Flores. Tendo iniciado sua atuação pública apoiando à ex-prefeita do município, Soraya Morioka, a vereadora vem tomando uma série de decisões em termos de apoio político que, no mínimo, estão desgastando a sua imagem enquanto figura pública séria.

Depois de ter saído da base de apoio da ex-prefeita Soraya Morioka, a vereadora passou a integrar o quadro de Marconi Santana, disputando o pleito de 2016 para o cargo de vereadora e, com a ajuda do “milagre do quociente eleitoral” foi eleita para o mandato de 2016-2020. No início de 2018 a vereadora decidiu deixar, MAIS UMA VEZ, a base governista, passando a compor novamente a bancada da oposição, liderada pelo vereador Onofre de Souza, e, depois disto num intervalo de aproximadamente dois meses, migrou, NOVAMENTE, para a bancada de situação do prefeito de Flores.

Agora, a vereadora Flávia Santana abandona PELA TERCEIRA VEZ a bancada governista para apoiar pré-candidatos da oposição ao governo Paulo Câmara. Segundo informações de um cabo eleitoral da vereadora e divulgação de imagens feitas pela mesma em redes sociais, Flávia apoiará o pré-candidato a deputado estadual Antônio Coelho, que é filho do senador Fernando Bezerra Coelho, cuja liderança em Flores é representada pelo empresário Ivanildo do Fosco.

Depois de alguns encontros na residência da vereadora, o pré-candidato e sua comitiva consolidaram a parceria/apoio de Flávia que (se não voltar a apoiar o pré-candidato de Marconi Santana), comporá a coligação Pernambuco Vai Mudar, liderada pelo pré-candidato Armando Monteiro, que reúne também as legendas DEM, PSDB, PRB, Podemos, PV e PPS, todas opositoras ao PSB e ao prefeito de Flores.

Assim, a vereadora Flávia Santana, até enquanto não mudar de ideia novamente, apoiará todos os candidatos de oposição ao prefeito de Flores e ao governador Paulo Câmara, a saber: Fernando Filho, candidato a reeleição para deputado federal; Antônio Coelho, pré-candidato a deputado estadual; e Armando Monteiro, pré-candidato a governador do Estado de Pernambuco.

Contatado para se manifestar sobre a adesão da vereadora Flávia Santana, um dos líderes, em Flores, do movimento Pernambuco Vai Mudar disse que ninguém da base em Flores tomou conhecimento das tratativas com a vereadora, cuja mesma por duas vezes traiu a oposição, sendo essa iniciativa exclusiva da assessoria dos pré-candidatos.