No dia em que a morte da vereadora do Psol, Marielle Franco, completa 1 ano, deputados do PSL cobraram respostas no plenário da Câmara sobre “quem mandou matar Bolsonaro”, em referência ao atentado à faca sofrido pelo presidente.

Durante a campanha ao Planalto, Bolsonaro foi alvo de uma facada. O autor do crime é Adelio Bispo, que já foi filiado ao Psol, motivo pelo qual os apoiadores do presidente cobram investigações sobre o envolvimento do partido.