Monthly Archives: outubro 2019

Começa nesta sexta-feira, 1º de novembro, a segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa, nesta fase só devem ser imunizados os bovinos e bubalinos com até dois anos de idade, no entanto, todo o rebanho da propriedade tem que ser declarado nos escritórios da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro).

A expectativa da Adagro é vacinar 531 mil animais. A vacina continua com sua dose reduzida de 5ml para 2ml, o que ajuda a diminuir edemas e lesões no local da aplicação. Depois de imunizar o produtor tem até 15 dias para declarar a vacinação nos escritórios da agência distribuídos pelo Estado.

O produtor deverá adquirir as vacinas em uma revendedora autorizada, devidamente cadastrada e manter a temperatura da vacina entre 2° e 8° C. Em 2021, espera-se que Pernambuco poderá ser considerado área livre de febre aftosa sem vacinação, mas enquanto o título não sai, é preciso que o produtor vacine o rebanho, buscando a valorização da pecuária pernambucana. O criador que deixar de vacinar e declarar, estará sujeito ao pagamento de multas e impedido de circular com os animais.

Um único foco de Febre Aftosa é considerado emergência sanitária, e pode retroagir o trabalho desenvolvido em toda a cadeia produtiva, causando incalculáveis perdas para o setor agropecuário, com bloqueio das relações comerciais entre os estados da federação. “É fundamental alertar os produtores para manter e elevar o índice de cobertura vacinal dos animais e das propriedades, para que possamos continuar valorizando o rebanho pernambucano e manter o status de área livre de febre aftosa com vacinação”, explicou o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima.

Febre aftosa

É uma doença infecciosa que causa febre, seguida do aparecimento de aftas principalmente na boca e nos pés dos animais. A vacinação é uma das principais estratégias para erradicar a doença.

Reprodução/Facebook/PartidoSocialLiberalBR

Da Sputnik Brasil

Nesta quinta-feira (31) foi divulgada uma pesquisa de opinião inédita do Ibope Inteligência que mostra que a rejeição ao PSL superou a do PT.

A pesquisa foi divulgada pela coluna de José Roberto de Toledo no site da revista Piauí e vem logo após crises internas dentro do PSL nas últimas semanas. As brigas recentes entre a legenda e seu principal político, o presidente Jair Bolsonaro (PSL), evidenciaram impasses. O partido que elegeu a maior bancada do Congresso nas eleições de 2018 hoje tem membros dissidentes e embates públicos.

O Ibope aponta que hoje 50% dos brasileiros não votariam de jeito nenhum no PSL. A mesma rejeição soma 43% quando se trata do PT. Além disso, o percentual de pessoas que diz que votaria com certeza no PT tem 15 pontos percentuais a mais do que no caso do PSL. São 27% os que dizem que com certeza votariam no PT enquanto 15% dizem o mesmo sobre o PSL.

Nas regiões brasileiras, os extratos Norte/Centro-Oeste e Sul são as únicas regiões do país que dão menos rejeição ao PSL do que ao PT, segundo a pesquisa.

O extrato Norte/Centro-Oeste é o que menos rejeita o PSL, sendo que 41% dos entrevistados dizem que não votariam de jeito nenhum no PT e 38% dizem o mesmo do PSL.

As regiões Sudeste e Nordeste dão mais rejeição ao PSL. O Nordeste é a região que mais rejeita o partido de Bolsonaro. Lá, segundo o Ibope, 62% rejeitam o PSL, enquanto 28% rejeitam o PT.

Mulheres e negros rejeitam PSL

Entre as mulheres, a rejeição é de 52% ao PSL contra 40% ao PT. Entre os homens, o PSL também leva a pior. A rejeição masculina ao PSL é de 49% e ao PT é de 45%.

Já a diferença entre negros e brancos chega a ser ainda maior. Entre os brancos, há uma rejeição maior contra o PT, de 53%. O percentual é de 51% quando se trata do PSL entre os brancos. Apesar disso, 19% dos entrevistados brancos afirmam que votariam com certeza no PT e 11% dizem o mesmo do PSL.

Entre negros, a rejeição ao PSL é de 50%, 14 pontos percentuais a mais do que ao PT. Ainda, 32% dos entrevistados negros dizem que votariam com certeza no PT, enquanto apenas 12% dizem o mesmo do PSL.

Balanças são apreendidas em Ipubi e Araripina — Foto: Divulgação/ Ipubi

Uma operação do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-PE) nos municípios de Ipubi e Araripina, no Sertão de Pernambuco, apreendeu 32 balanças sem o selo de aprovação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). A fiscalização foi realizada em supermercados, padarias, açougues e feiras livres.

Segundo o Ipem, apenas as balanças fabricadas de acordo com as normas atendem aos elevados padrões de qualidade metrológica e apresentam resultados confiáveis na pesagem dos produtos.

Caso o consumidor desconfie ou encontre irregularidades em balanças, ele pode fazer a denúncia ao Instituto de Pesos e Medidas de Pernambuco, através da ouvidoria, pelo número 0800 081 1526, ou pelo formulário de contato no site.

Nelson Almeida

Sergio Moro terá que responder a um requerimento de informação do deputado Ronaldo Carletto (PP/BA) sobre a eficácia da política contra radares adotada por Jair Bolsonaro.

No dia 15 de agosto o presidente suspendeu o uso de radares nas estradas federais até que o Ministério da Infraestrutura conclua a reavaliação da regulamentação do tema.

Carletto quer ter acesso a dados da PRF — subordinada a Moro — para saber, por exemplo, se o número de acidentes e vítimas fatais diminuiu ou aumentou.

Estão abertas as inscrições para uma oficina de grafismo trançado na folha A4, com Auritha Tabajara, de São Paulo. A atividade será nos dias 7 e 8 de novembro, das 9h às 12h, no Sesc de Petrolina. A oficina faz parte da programação do ‘Entre Margens: Encontro com a Literatura’, que ocorrerá entre os dias 06 e 10 de novembro, no Sesc de Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

Os interessados em participar da oficina podem se inscrever no Ponto de Atendimento do Sesc Petrolina. Estão sendo oferecidas 15 vagas. A taxa é de R$10 para Trabalhadores do Comércio e R$20 para o público em geral. É preciso ter idade a partir de 12 anos de idade.

A oficina com Auritha Tabajara oferece vivências aos participantes, buscando realizar reflexões a respeito da visão estereotipada “índio é tudo igual”.

Francisca Aurilene Gomes nasceu na aldeia indígena Tabajara, no interior do Ceará, pelas mãos da sábia parteira Francisca Gomes (avó). Batizada por ancestrais, Auritha Tabajara ganhou a missão de contar ao mundo sobre a tradição milenar do seu povo Tabajara. Ela é a primeira e única mulher indígena no Brasil com cinco livros publicados em literatura de cordel.

Pedro França Ag Senado

Atrasos dos governos estaduais no repasse aos municípios de parte do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) e do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) têm sido recorrentes. A Confederação Nacional de Municípios acompanha o drama em vários Estados, que, com a crise fiscal, estão retendo recursos.

Para garantir que o Ente municipal não seja prejudicado, os senadores aprovaram a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 10/2019 na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). A conquista ocorre diante de outro avanço importante no colegiado: a aprovação do projeto sobre construções nas faixas não edificáveis de rodovias.

Entenda

Pela PEC, estados que deixarem de repassar a seus municípios os 25% do ICMS e 50% do IPVA poderão ter cotas do Fundo de Participação dos Estados (FPE) retidas. Os atrasos, além de violarem expressamente a repartição de receitas oriunda da arrecadação de impostos determinada na Constituição, prejudicam, de forma grave, a manutenção do funcionamento de toda máquina municipal, bem como os investimentos em saúde, educação e outras áreas. Continue reading

A Prefeitura de Serra Talhada vai dar início a diversas oficinas temáticas voltadas para o fomento à produção audiovisual. O projeto faz parte da parceria com o Governo Federal, através de convênio firmado com a Secretaria Nacional de Audiovisual – SAV, que assegurou ao município a implantação do sistema municipal de audiovisual.

Dividido em três eixos, o Sistema Municipal tem o objetivo de movimentar a cadeia produtiva do segmento, desde atividades de formação até a veiculação dos conteúdos produzidos. Consta no Sistema Municipal a implantação de Cineclubes, Núcleo de Produção Digital e o Canal da Cidadania (TV Serra).

Cumprida a etapa de aquisição de equipamentos e seleção para contratação de profissionais qualificados para ministrar as oficinas temáticas, o Governo Municipal vai dar inicio a parte de formação e produção de conteúdo, com a instalação do NPD (Núcleo de Produção Digital) e implantação de cineclubes em diversas comunidades. As oficinas acontecerão no CEU das Artes, Centro Administrativo, TV Serra e nos Cineclubes, tendo inicio no dia 05 de novembro e se estendendo até o início de dezembro.

As inscrições para participar das oficinas acontecerão exclusivamente através do e-mail audiovisual@serratalhada.pe.gov.br, a partir desta quinta-feira, 31 de outubro.  Para participar, os interessados devem informar nome completo, documento de identificação, CPF, endereço e oficinas de interesse. Serão realizadas as seguintes oficinas: Análise de Filmes e Crítica, Roteiro de Ficção, Atuação e Direção de Atores, Captação de Áudio, Edição e Design de Som, Fotografia e Iluminação, Montagem de Software e Edição, Pré-produção de Produção, Técnica de Animação, Direção, Pós-produção e Finalização e Divulgação, Distribuição e Exibição.

A Pró-Reitoria de Extensão (Proext) do Instituto Federal de Pernambuco divulgou um edital que tem por objetivo cadastrar projetos de extensão dos 16 campi e EaD do IFPE para o ano de 2020. No mesmo edital, os proponentes terão a possibilidade de solicitar bolsas para estudantes dos cursos superiores e técnicos por meio do Programa Institucional de Concessão de Bolsas (Pibex). O período de submissão de propostas será de 4 a 25 de novembro.

Os interessados poderão inscrever propostas em oito áreas: Comunicação; Cultura, Cidadania e Esporte; Direitos Humanos e Justiça; Educação e Formação Continuada; Meio Ambiente; Saúde; Tecnologia e Produção; e Trabalho.

A proposta deverá ser enviada por servidor ativo com nível superior, que disponha de carga horária para orientar os estudantes e desenvolver as atividades planejadas. O cadastro será realizado via formulário digital disponível em proext.ifpe.edu.br

BOLSAS

Serão oferecidas 339 bolsas, sendo 144 para cursos superiores e 195 para cursos técnicos. As bolsas serão custeadas pelo orçamento próprio de cada campus, por um período de 11 meses – fevereiro a dezembro de 2020. Cada bolsista da graduação receberá R$ 400 mensais, enquanto os alunos de cursos técnicos selecionados para o programa receberão R$ 300 por mês. O investimento previsto ultrapassa o valor de R$ 1.277 milhões.  

Confira:

Edital nº 01/2019

Anexo I – Formulário de Projeto

Anexo II – Formulário de Equipe Colaboradora

Anexo III – Formulário de Plano de Atividade para estudante

Anexo IV – Formulário de Recurso Administrativo

Anexo V – Formulário de Frequência de estudante

Anexo VI – Critérios para análise de projeto 

Anexo VII – Cadastro de estudante bolsista ou voluntário

Edital nº 01/2019 (Retificado)

A passagem do metrô vai aumentar novamente. Neste domingo (03) a tarifa do metrô do Recife será reajustada para R$ 3,40. Até 2020, o bilhete sofrerá aumento de 150%, que ocorrerá de forma gradual.

Após audiência de conciliação realizada na 15ª Vara da Justiça Federal de Minas Gerais, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) continua a implementação do reequilíbrio tarifário de maneira progressiva. “A CBTU reforça que há cerca de 13 anos não há alteração nas tarifas em Belo Horizonte, 15 anos em Natal, Maceió e João Pessoa e 7 anos em Recife, atingindo avançada defasagem ante ao custo de manutenção do sistema”, comentou a Companhia através de nota.

Os valores arrecadados com a tarifa paga pelos usuários são depositados diretamente na Conta Única da União. Por isso, o aumento da tarifa só poderá repercutir no orçamento a ser gasto pela CBTU em 2020, pois o nosso orçamento é definido na Lei Orçamentária Anual (LOA), proposta pelo Governo Federal e votada pelo Congresso.” Desse modo, o aumento na tarifa implementado pela CBTU é fundamental para que possamos pleitear novos recursos. A Companhia reitera que vem trabalhando para conseguir investimentos e melhorias para o sistema”, justifica o órgão.

O sistema de trens urbanos da capital pernambucana transporta cerca de 400 mil passageiros por dia. São três linhas, sendo duas eletrificadas (Centro e Sul) e uma operada por composições diesel, somando 71 quilômetros de trilhos. Conta com 37 estações e passa pelas cidades do Recife, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e Cabo de Santo Agostinho.

Fotos: Hélia Scheppa/Divulgação

O governo Paulo Câmara anunciou que o Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco e a Corregedoria Geral da SDS terão mudanças no comando.

Em ato do governador Paulo Câmara, a ser publicado na edição desta sexta-feira, dia 1º de novembro, no Diário Oficial, o coronel Manoel Cunha, comandante geral do CBMPE desde julho de 2014, será substituído pelo coronel Rogério Coutinho, que vinha ocupando a Diretoria de Finanças da corporação.

Na Corregedoria, a delegada federal Carla Patrícia Cunha, à frente do órgão desde junho de 2017, retorna à PF por convocação do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo. Interinamente, assumirá atual corregedor-adjunto, o coronel do CBMPE Clóvis Ramalho.

“Quero agradecer, em nome da segurança e também da população, pelos inestimáveis serviços prestados por esses dois compromissados e competentes servidores públicos. Coronel Cunha foi fundamental para a expansão do Corpo de Bombeiros no território Pernambuco, a implantação do programa Bar Seguro e o comando seguro da tropa, que respondeu com resultados significativos na prevenção de acidentes, aumento de resgates e fiscalizações”, afirmou o secretário Antonio de Pádua.

“Carla Patrícia, que retorna à PF por convocação, teve uma atuação notável na maior aproximação com as quatro operativas de segurança, na normatização de procedimentos, modernização dos sistemas de informação, além de ter colocado seus 20 anos de experiência profissional em favor da construção do Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco)”, acrescentou.

TRANSMISSÃO

Com 31 anos de CBMPE, o coronel Cunha irá para a reserva.

“Cumpri minha missão e agradeço imensamente a todos os que colaboraram nessa caminhada. Desejo todo sucesso ao amigo Rogério Coutinho, um excelente quadro e que colaborará muito com a corporação”, disse Cunha.

Coutinho, o sucessor do Comando Geral, está servindo à corporação desde 1991. É formado em Ciências Econômicas pela UFPE e especialista em Economia e Gestão Empresarial pela Universidade Estácio de Sá.

Em seu histórico profissional, comandou o Grupamento de Bombeiros de Atendimento Pré-Hospitalar (GBAPH), que tem uma função estratégica dentro do Pacto pela Vida, ao possibilitar a assistência imediata e remoção de vítimas de violência.

Ele ocupou, nessa trajetória, outras funções de comando e diretoria dentro da corporação.

A transmissão de cargo está prevista para a próxima quarta-feira (dia 6/11), na sede do CBMPE.

RETORNO À PF

Segundo o governo estadual, ao retornar à PF, Carla Patrícia Cunha fica à disposição da Superintendência do órgão em Pernambuco.

Em ofício encaminhado ao secretário de Defesa Social, o diretor-geral Maurício Valeixo destacou a necessidade de poder “contar com a capacidade técnica da servidora para a gestão do Planejamento Estratégico da Unidade”.

“Agradeço a todos, em especial ao secretário Antonio de Pádua, pela oportunidade de ter colaborado com a Corregedoria. Encontrei aqui pessoas maravilhosas, profissionais e policiais de excelência”, destacou, em nota oficial da SDS.

Candidato a presidente do Partido Nacional do Uruguai, Luis Lacalle Pou Foto: Matilde Campodonico / AP

O candidato da direita à presidência no Uruguai, Luis  Lacalle Pou, questionou o apoio expressado por Jair Bolsonaro ao dizer que ele é seu preferido no 2° turno, que acontece em novembro. Para  Lacalle Pou, governos de outros países não devem interferir na eleição. A eleição será definida entre Daniel Martínez, da governista Frente Ampla, de esquerda, e Lacalle Pou, do Partido Nacional.

Em entrevista na noite de quarta-feira, o candidato disse que “não é bom comentar sobre eleições em outros países”.

—  Por sorte, no Uruguai não são os brasileiros que decidem.

Na semana anterior, Lacalle Pou já havia se declarado “preocupado” com as declarações  de Bolsonaro  sobre uma possível saída do Brasil do  Mercosul , em caso de vitória do kirchnerista  Alberto Fernandéz  na eleição presidencial na vizinha Argentina. Ele baseou a campanha em um “choque de austeridade”.

O candidato, de 46 anos, que é advogado, mas durante toda a vida adulta atuou como parlamentar, praticamente nasceu na política, sendo bisneto de Luis Alberto de Herrera, principal referência do partido por décadas. Seu pai é Luis Alberto Lacalle Herrera, presidente de 1990 a 1995, que, em 2009, perdeu as presidenciais para José Mujica.

Na eleição seguinte, o próprio Lacalle Pou foi candidato e perdeu para o atual presidente, Tabaré Vázquez, que foi o primeiro chefe de Estado do ciclo frente-amplista e termina seu segundo mandato não consecutivo.

Desta vez, no entanto, analistas veem uma maior chance já  que todas as forças de direita e centro-direita tendem a apoiá-lo.

Apoiadores de Evo Morales e oposicionistas entram em confronto nas ruas de Santa Cruz, na Bolívia — Foto: Reuters/Ueslei Marcelino

G1

Duas estudantes de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, que estudam medicina e moram em Cochabamba, na Bolívia, buscaram ajuda do Consulado do Brasil para voltarem ao país. Elas alegam que as aulas da universidade foram suspensas e estão impedidas de sair de casa desde que as eleições do país foram realizadas.

“Infelizmente está passando por conflito desde o dia das eleições, no dia 20 de outubro. Estamos presas em casa, não podemos sair para a rua, não estamos podendo fazer feira de mercado, não estamos tendo aula porque está muito perigoso para sair para a rua. Entramos em contato com o Consulado Brasileiro para ver o que poderia ser feito por quem está vivendo aqui, mas infelizmente a resposta que tivemos é que no momento eles não podem fazer nada”, lamentou a estudante Ápia Ferraz.

Devido aos conflitos, as estudantes enfrentam dificuldades para comprar alimentos.

“A Bolívia está passando por um problema sério cívico e questões eleitorais. Está tudo fechado, a gente tem comida restrita. Eu mesma tenho comida até hoje. Meus vizinhos bolivianos estão me adotando, me acolhendo. A universidade não se pronuncia com nada, está tudo fechado, tudo complicado, a gente só dentro de casa. A cada dia as coisas pioram aqui, o Consulado Brasileiro não se pronuncia com nada e estamos aqui nessa loucura doida para ir embora”, relatou Camila Monteiro.

Em nota, o Itamaraty informou que a Embaixada acompanha a situação de segurança na Bolívia e orienta os brasileiros a permanecerem em casa e estocarem água e mantimentos.

Confira a nota completa

“A Embaixada em La Paz e as repartições consulares brasileiras na Bolívia continuam a acompanhar estreitamente a situação de segurança naquele país e a orientar os nacionais lá presentes, permanente ou temporariamente.

As representações têm alertado os brasileiros, por meio de seus canais na internet, a permanecer em suas residências, estocar, na medida de suas possibilidades, água e mantimentos, e evitar aglomerações e manifestações de qualquer natureza.

Recomenda-se, ademais, a leitura dos alertas publicados no Portal Consular do Itamaraty, disponíveis nas páginas: http://www.portalconsular.itamaraty.gov.br/alertas/protestos-sociais-na-bolivia e http://www.portalconsular.itamaraty.gov.br/alertas/recomendacoes-aos-turistas-e-comunidade-brasileira-bolivia”.

A taxa de desocupação no Brasil fechou o trimestre móvel encerrado em setembro em 11,8%, uma leve queda em relação tanto ao trimestre anterior, finalizado em junho, quando 12% da população estavam sem trabalho, quanto ao trimestre que acabou em setembro do ano passado (11,9%).

Os dados foram apresentados nesta quinta-feira (31), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua).

O contingente de desocupados soma 12,5 milhões de pessoas, uma diminuição de 251 mil pessoas. Já a população ocupada atingiu 93,8 milhões, um aumento de 459 mil pessoas.

A população fora da força de trabalho permaneceu estável, com 64,8 milhões de pessoas. Já a taxa de subutilização ficou em 24%, uma redução de 0,8 ponto percentual em relação ao trimestre anterior, somando 27,5 milhões de pessoas que gostariam de trabalhar mais horas do que atualmente.

A população desalentada, que são pessoas que desistiram de procurar trabalho, soma 4,7 milhões de pessoas, um recuo de 3,6%. Com informações e foto da Agência Brasil.

Preocupado com o acúmulo de inquéritos de crimes, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) publicou uma recomendação com orientações e metas que devem ser seguidas pela Polícia Civil para garantir mais transparência e agilidade às investigações.

Para citar um exemplo do problema, um levantamento da Secretaria de Defesa Social (SDS), aponta que cerca de 5,5 mil inquéritos de assassinatos no Recife, ocorridos nos últimos dez anos, ainda estão sem conclusão no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

“Precisamos trazer mais dinamicidade ao andamento de inquéritos e investigações que são abertos, mas não possuem linha de investigação clara que venham a garantir a plena elucidação do caso. Trazendo, assim, uma resposta clara à sociedade e para a vítima”, disse o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros.

Uma das metas prevê a análise de todos os inquéritos abertos até o ano de 2009, mas que ainda não tiveram conclusão. O objetivo é evitar o risco de as investigações serem prescritas e que os criminosos fiquem impunes. O documento do MPPE prevê que o delegado vai analisar o caso, adotar as medidas necessárias para finalizar a investigação e elaborar um relatório final.

“Será possível trazer mais celeridade ao encerramento de inquéritos antigos que não possuem uma linha investigativa que permita chegar à autoria ou à plena elucidação do caso. Eles, agora, podem ser encerrados mediante a realização de diligências e relatórios minuciosos”, afirmou a corregedora geral da SDS, Carla Patrícia Cintra.

Denúncia publicada em julho, mostrou que os policiais civis são orientados a priorizarem as investigações de crimes registrados neste ano. E, por falta de efetivo policial, os inquéritos de anos passados estão sendo deixados de lado.

Já em relação aos inquéritos instaurados entre 2010  e 2014, sem conclusão, o delegado terá a meta de realizar uma nova diligência para apurar os fatos e dar seguimento à investigação. Continue reading

A Mega-Sena, cuja a aposta simples, com seis dezenas marcadas, o apostador paga atualmente R$ 3,50, passará para R$ 4,50 / Foto: Acervo/JC Imagem

O Ministério da Economia autorizou a Caixa Econômica Federal a reajustar, a partir de 1° de Janeiro de 2020, os preços de suas loterias, conforme portaria nº 8.061 da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria, da Secretaria Especial de Fazenda, do Ministério da Economia, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (31). A Mega-Sena, cuja a aposta simples, com seis dezenas marcadas, o apostador paga atualmente R$ 3,50, passará para R$ 4,50.

Novos preços

Dupla-sena: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotofácil: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotomania: a aposta única passa a custar R$ 2,50

Quina: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2

Os jogos de prognósticos esportivos serão também majorados:

Loteca: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50, passando, em consequência, a aposta múltipla mínima obrigatória, que compreende um prognóstico duplo, a custar R$ 3.

Lotogol: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50.

Timemania: a aposta única passa a custar R$ 3.

De acordo com a portaria, a cobrança de novo preço somente poderá a ser feita após divulgação ostensiva nos veículos de comunicação do país e também pela internet, com antecedência mínima de três dias úteis da data de início da cobrança.