Sem categoria

https://static.wixstatic.com/media/0ccf5b_47c9854c990145f386c186044a67ef6e~mv2.jpg

Durante o evento Triunfo Moto Fest, foram feitas algumas alterações em relação ao trânsito na cidade de Triunfo. Fiquem atentos nas mudanças:

A Avenida Laurindo Diniz terá apenas um sentido, que será em direção a Avenida Getúlio Vargas e Praça Carolino Campos.  Atenção, na hora do evento, os veículos só poderão seguir para a Avenida Getúlio Vargas. 

O retorno será apenas pela Via Verde, que terá sentido único, da Pousada Baixa Verde em direção ao estacionamento do Papo Pizza. 

A Avenida Getúlio Vargas no trecho referente  ao Mercado de Danda até o Mercado de Natal, também terá apenas um sentido que será sentido encruzilhada. 

Na Rua Isaías Lima, o trecho referente à Loja Carla Biju até o Museu Eliezer Xavier, terá um único sentido, sendo possível apenas seguir em direção ao Museu. 

A Guarda Municipal estará orientando o trânsito, a Prefeitura Municipal pede em nota, a compreensão de todos para que o trânsito flua com segurança e tranquilidade. E desde já agradece a compreensão e  contribuição de todos. Essas alterações acontecerão entre os dias 13 e 14 de setembro.

A Legião da Boa Vontade (LBV) está realizando mais uma edição de sua campanha Eu ajudo a mudar! Iniciativa que tem o objetivo de mobilizar as pessoas para que contribuam para a manutenção das ações e dos programas socioeducacionais promovidos pela Instituição em todo o Brasil.

Na edição deste ano, a campanha destaca a importância do esporte e do brincar saudável na vida diária de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. A LBV acredita que essas práticas devem ser constantemente incentivadas a fim de que colaborem para fortalecer o protagonismo infantojuvenil, para garantir a proteção dos direitos desse público e para fomentar bons valores, entre os quais a solidariedade, o respeito, a união, a disciplina, a responsabilidade e o companheirismo. 

As atividades esportivas e lúdicas na infância, por exemplo, colaboram para o desenvolvimento de aspectos físicos e motores, sociais, afetivos e cognitivos. Também despertam, entre outros benefícios, a criatividade, a imaginação, a capacidade de resolver problemas, a expressar sentimentos, a respeitar os colegas e auxilia no controle da ansiedade e na socialização.  

Para que milhares de crianças, adolescentes e jovens tenham esses direitos assegurados, a Solidariedade faz toda a diferença. Por isso, a Legião da Boa Vontade convida a todos a fazer parte dessa iniciativa integrando o time da campanha Eu ajudo a mudar.   

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Acesse: www.lbv.org. Siga, curta e compartilhe as ações da Instituição nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

ASCOM

O prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, reuniu os empreendedores afogadenses para anunciar a programação oficial da 5ª edição da Feira de Empreendedorismo do município, consolidada como uma das maiores feiras do segmento do Sertão Pernambucano.

A Feira ocorre de 25 a 28 de setembro, com palestras, oficinas, seminários, cursos de qualificação, arena fitness, arena kids, festival de violeiros, festival gastronômico, desfile de moda matuta e a já tradicional feira de negócios.

“Essa já é uma das maiores feiras de empreendedorismo do interior do Estado. E olha que estamos apenas na quinta edição do evento. Mas graças ao incentivo do município, ao apoio dos parceiros, e a ousadia dos nossos empreendedores, já conquistamos um importante patamar no segmento. E a tendência, e os nossos desafios, é fazer uma feira ainda maior a cada ano,” afirmou Patriota, destacando a importância da política pública de empreendedorismo iniciada pela Prefeitura em 2014, com a criação da sala do empreendedor.

Confira a íntegra da programação:

PROGRAMAÇÃO

V Feira de Empreendedorismo de Afogados da Ingazeira

& Sertão Mais Criativo

Quarta-feira (25)

Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara

19h – Abertura da V Feira de Empreendedorismo de Afogados da Ingazeira

19h10 – Apresentação Cultural com Balé Expressart

20h – Composição do Dispositivo de Honra

21h30 – Apresentação do Balé Cultural

Quinta-feira (26)

A Experiência do Turismo Criativo no Vale do Catimbau e a troca de saberes com a comunidade da  Serra do Giz

7h – Saída: Recanto Bar (Dona Josefa)

Público: Sebrae, Governo Municipal e Comunidade do Leitão e Umbuzeiro

8h – Visita às pinturas rupestres da Serra do Giz

9h30 – Café da manhã e boas vindas com apresentações locais

10h – Encontro entre as comunidades

Local: Serra do Giz

9h às 10h – Palestra sobre Empreendedorismo, com Bruna Martins, da Secretaria Estadual de Trabalho e Qualificação Profissional (SETEQ)

10h30 às 11h30 – Palestra sobre Mix do Marketing, com Irenilda Magalhães (SETEQ)

Local: Auditório da Secretaria Municipal de Assistência Social

18h às 22h – Seminário: Turismo no Sertão? Sim Sinhô! Um mundo de possibilidades

(Com Léo Salasar, Larissa Almeida, Elis Almeida, Edygar Santos e Cláudio Gomes)

Local: Auditório da Secretaria Municipal de Educação

ARENA FITNESS

18h00 – Atividade Core Fit com a Academia Xtreme Fit

19h00 – Atividade Step and Jump

20h00 – Capoeira com o Grupo Cordão de Ouro

21h00 – Aulão de Dança com alunos de Educação Física da UNIP

22h00 – Jiu Jitsu com Academia Chicão Team

Local: Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara

Sexta-feira (27)

8h – Início do Hackathon (24h de maratona para desenvolvimento de soluções com 06 mentores). Informações na sala do empreendedor, CDL e IFPE.

Local: IFPE

19h – Banda de Pífanos

19h45 – Festival de Viola  (com apresentação Alexandre Morais, Raimundo Caetano & Daniel Olímpio, Sebastião Dias & Zé Carlos do Pajeú, Ivanildo Vilanova & Rogério Menezes)

Local: Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara

Sábado (28)

7h – Visita a Serra da Matinha, em Carnaíba, com saída ao lado da Catedral do Senhor Bom Jesus dos Remédios (com café da manhã e almoço).

16h – Encerramento e Votação do Hackathon, no IFPE

 19h – Encerramento

19h30 – Premiação dos vencedores do I Festival Gastronômico

20h00 – Reisado

20h30 – Desfile da Moda Matuta

21h30 – Avelino do Acordeon

Local: Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara    

Com André Luis/Portal da Rádio Pajeú

Um fato inusitado aconteceu nesta sexta-feira (23), no centro de Afogados da Ingazeira. um número barulhento de moradores do Conjunto Habitacional Miguel Arraes voltaram a protestar por calçamento em ruas da comunidade.

Após promoverem um panelaço em frente à Prefeitura Municipal, uma comissão formada por três moradores, conseguiram se reunir com o secretário de Finanças, Ney Quidute, com o secretário de Governo, Elias Silva, e com o procurador do município Carlos Marques.

Em nome do governo municipal, Ney Quidute informou que foi passado aos moradores a necessidade de oficializar o pedido pelos calçamentos e que assim que isso for feito, o pedido será analisado pelo prefeito José Patriota, mas o secretário deixou claro que não poderia prometer que as reivindicações serão atendidas em curto prazo.

Jenailson, um dos representantes dos moradores, disse que irá providenciar a oficialização do pedido para entregar a Prefeitura e que ‘por enquanto’ se disse satisfeito com o resultado da reunião.

Chamou a atenção à fala do secretário Ney Quidute, quando afirmou que o secretário-executivo de Obras e Infraestrutura, Carlos Rabelo, que foi o negociador durante o primeiro protesto que aconteceu no dia 3 de agosto, “teria falado por conta própria” quando prometeu o início das obras para o dia 5 do mesmo mês. Na ocasião, Rabelo também prometeu a conclusão da obra de duplicação da saída para Carnaíba. O que também não aconteceu.

Uma pergunta: Porque após ampla divulgação feita através da imprensa local, ninguém do governo municipal se pronunciou para dizer que não tinha, ou tomara conhecimento das negociações do secretário-executivo Carlos Rabelo? Que inclusive contou com a participação da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e moradores? Estão falando com duas línguas?

Ney afirmou que na ocasião, Rabelo falou sem autorização do prefeito José Patriota e que ele [Ney], sim estava falando autorizado pelo gestor. Mas, e a solução do problema?

21 08 MCMV 3

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) tem priorizado a aplicação de recursos no programa de habitação social do governo, que além de garantir a melhoria na qualidade de vida à população atendida, também contribui com a geração de emprego e renda. Somente no primeiro semestre de 2019, a Pasta ampliou em 142% os pagamentos ao programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Foram liberados R$ 2,47 bilhões pelo MDR, enquanto que, nos primeiros seis meses de 2018, o antigo Ministério das Cidades repassou R$ 1,02 bilhão.

Neste ano, o Ministério recebeu R$ 4,5 bilhões da União para aplicar em todas as políticas da Pasta, como habitação, saneamento, segurança hídrica, mobilidade e defesa civil. Deste montante, R$ 2,7 bilhões foram destinados ao programa MCMV – o equivalente a 59,8% dos recursos disponibilizados à Pasta.

As famílias de baixa renda foram as mais contempladas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro, com 84,3% dos recursos pagos ao programa. Isso porque, do total – R$ 2,7 bilhões -, foram direcionados R$ 2,3 bilhões à Faixa 1, que contempla a categoria de salário mensal de 1,8 mil. Os outros R$ 428 milhões foram utilizados para subvenção econômica dos contratos das Faixas 1,5 e 2.

Parceria

Cientes do ritmo da execução do programa e do cenário econômico do País, o MDR e o Ministério da Economia (ME) trabalharam em conjunto, desde o início do ano, para garantir a regularização dos pagamentos ao Minha Casa, Minha Vida no primeiro semestre.

No momento, os dois órgãos mantêm a parceria na busca de alternativas para ampliar a disponibilidade de recursos e assegurar a continuidade do MCMV.

Eficiência

Equipes técnicas do MDR, do ME e da Caixa Econômica Federal (CEF) têm trabalhado, também, na reformulação do Programa de Habitação de Interesse Social. O objetivo é assegurar que os recursos públicos sejam aplicados de forma mais eficiente para garantir moradia digna às famílias de baixa renda.

A medida também pretende corrigir falhas identificadas no programa, como comercialização irregular das unidades habitacionais, violência doméstica nos conjuntos e crescimento desordenado dos condomínios, dentre outros.

Resultados

Nos 200 primeiros dias da gestão do presidente Jair Bolsonaro, o MDR entregou uma média diária de 1.170 casas. Ao todo, mais de 234 mil residências foram entregues em todos os estados e no Distrito Federal. Além disso, foram contratadas 153,9 mil unidades habitacionais nas Faixas 1,5; 2 e 3. Atualmente, 233,6 mil unidades estão em construção no território nacional.

Tv Grande Rio

Técnicos do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) estiveram nesta quinta-feira (08) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, e em Juazeiro, na Bahia, para medir a quantidade de água do rio São Francisco, neste trecho. O trabalho foi feito a serviço da Agência Nacional de Águas (ANA). Os resultados mostram que o Velho Chico perdeu muita água ao longo dos últimos 30 anos. Situação que preocupa quem depende do rio.

“O rio está mais seco, né? Poluição também, bastante aí… sem chuva, está fraco aí a pescaria. Está difícil, a vida de pescaria está muito difícil”, lamenta o pescador Aluísio Rodrigues da Silva.

Para fazer a medição, os técnicos utilizaram um aparelho que emite ondas sonoras. Essa medição é feita a cada dois meses e os dados são comparados com os que já foram coletados em anos anteriores. O objetivo é saber a quantidade de água que o rio São Francisco já perdeu, e em quanto tempo isso aconteceu.

Os primeiros registros são de 1980. Na época, a vazão de água era de 2 milhões e 250 mil litros por segundo. Em 1990, eram 1 milhão e 700 mil litros por segundo. A média se manteve até 2010. Em 2015, atingiu um milhão de litros. Hoje, passam 900 mil litros por segundo.

“Historicamente falando, realmente existe uma tendência de diminuição da vazão. Especificamente a partir de 2014 pra cá, houve uma diminuição das séries históricas de chuva. Então, uma das principais variáveis neste processo de diminuição de vazão realmente é a diminuição das chuvas nas cabeceiras dos principais afluentes do rio São Francisco”, explica Rebeca de Jesus Barbosa, técnica em geociências do CPRM.

VEJA

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, em entrevista exclusiva a VEJA, que o Brasil esteve à beira de uma crise institucional entre os meses de abril e maio — e disse que sua atuação foi fundamental para pôr panos quentes numa insatisfação que se avolumava. Toffoli não deu muitos detalhes, mas a combinação explosiva envolvia uma rejeição dos setores político e empresarial e até de militares ao presidente Jair Bolsonaro. Um grupo de parlamentares resolveu tirar da gaveta um projeto que previa a implantação do parlamentarismo.

Simultaneamente, um dos generais próximos ao presidente chegou a consultar um ministro do Supremo para saber se estaria correta a sua interpretação da Constituição segundo a qual o Exército, em caso de necessidade, poderia lançar mão das tropas para garantir “a lei e a ordem”. Em outras palavras, o general queria saber se, na hipótese de uma convulsão, teria autonomia para usar os soldados independentemente de autorização presidencial.

Longe de Brasília, a insatisfação também era grande. Empresários do setor industrial incomodados com a paralisia da pauta econômica discutiam a possibilidade de um impeachment do presidente.

Quando o caldo ameaçou transbordar, o presidente Bolsonaro, o ministro Dias Toffoli, o deputado Rodrigo Maia, presidente da Câmara, e o senador Davi Alcolumbre, presidente do Senado, além de autoridades militares, se reuniram separadamente mais de três dezenas de vezes para resolver o problema.

Convencidos de que a situação caminhava em uma direção muito perigosa, costuraram um pacto que foi negociado em vários encontros. Resultado: a Praça dos Três Poderes ficou, ao menos momentaneamente, pacificada.

Reprodução/Site da PRF

Foi publicada no Diário Oficial da União (DOU), a lista de convocação dos candidatos sub judice dos concursos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) dos anos de 2008, 2009 e 2013. Sub judice é o termo que se usa para aquilo que se encontra em mãos de um juiz ou tribunal ou aguarda determinação judicial.

Ao total, foram chamados 11 novos profissionais, de diversas partes do Brasil, que deverão participar do próximo Curso de Formação Profissional (CFP) da PRF. É necessário que os candidatos preencham a Ficha de Informações Pessoais (FIP), no site do Cebraspe, banca organizadora do concurso público. A convocação tem como objetivo o preenchimento da FIP para fins de investigação social dos candidatos sub judice de concursos da Polícia Rodoviária Federal.

A convocação seguirá a seguinte ordem: número de inscrição estado de concorrência e nome do candidato em ordem alfabética. Os interessados em conferir a lista de convocados podem acessar o edital de recrutamento, disponibilizado no DOU desta segunda-feira. Mais informações podem ser obtidas pela página organizadora do certame.

http://radioculturadonordeste.com.br/wp-content/uploads/2018/08/2-joel-da-harpa.jpg

O deputado Joel da Harpa (PP) pediu ao Governo do Estado, em discurso na Reunião Plenária desta segunda-feira (05), a retomada das obras de construção do Instituto Médico Legal (IML) de Salgueiro, no Sertão pernambucano.

Segundo o parlamentar, a unidade mais próxima a realizar o exame de necropsia fica no município de Petrolina, a 250 quilômetros de distância, o que representa um transtorno para os moradores da cidade e das localidades vizinhas.

“A pessoa que perde um parente precisa fazer todo esse percurso, aguardar a necropsia e voltar ao local de origem para fazer o sepultamento. Meu apelo é para que o Governo do Estado agilize as intervenções a fim de garantir mais conforto a essas famílias”, defendeu Joel da Harpa.

Segundo ele, as obras do IML de Salgueiro iniciaram há cinco anos, mas não tiveram continuidade.

Os comentários de Bolsonaro e seus filhos são feitos alguns dias após o presidente falar sobre a morte do pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz. Disse que Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, pai de Felipe, integrava uma “ramificação” da Ação Popular –organização política de esquerda extraparlamentar criada por militantes estudantis que eram contra o regime militar – e foi morto pelos integrantes do grupo.

O presidente afirmou depois não acreditar na Comissão da Verdade, que investigou violações de direitos humanos no período da ditadura militar, porque todos os componentes do colegiado foram indicados pela ex-presidente Dilma Rousseff.

Segundo a comissão, Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, pai de Felipe, desapareceu em fevereiro de 1974, durante o governo do general Emílio Garrastazu Médici, após ser preso por agentes do DOI-Codi (Destacamento de Operações de Informação – Centro de Operações de Defesa Interna).

Na última quinta-feira (1º), Bolsonaro e a ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) assinaram ainda um decreto que substituiu 4 membros –do total de 7– da Comissão Especial de Mortos e Desaparecidos Políticos.

https://4.bp.blogspot.com/-1FL-idL9zT0/XBMUI4AB-cI/AAAAAAAAWyg/4fbBkom8Kesql3GlY5eXrNb88vFIat57ACEwYBhgL/s1600/IMG-20181213-WA0000.jpg

Professores de todo País estavam contando os dias para receber valores de precatórios devidos pela União aos municípios, mas o ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes, jogou um balde de água gelada na categoria. Relator da matéria naquela corte determinou que os R$ 90 bilhões em processo de liberação não podem ser empregados em pagamento de precatórios.

O ministro definiu que os recursos devem ser integralmente recolhidos à conta bancária do Fundeb, que sucedeu o Fundef, para aplicação em ações de manutenção e desenvolvimento do ensino para a educação básica pública.

Dos R$ 90 bilhões, os profissionais do magistério teriam direito a receber 60% dos valores dos precatórios devidos aos municípios pela União. Se os prefeitos se renderem à pressão dos professores e usar a grana para pagar precatórios poderão ser responsabilizados por danos ao erário e descumprimento de normal legal. As informações são do Blog do Magno.

https://i.ytimg.com/vi/117Fx01ldUo/hqdefault.jpg

Uma Patrol do PAC, foi à única máquina deixada pelo ex-gestor Tarcísio Firmino em Água Branca, no Sertão da Paraíba. A afirmação foi feita por Gustavo Gouveia secretário de Agricultura do município durante entrevista a Rádio Cidade FM, de Tabira, no momento em que foi provocado a falar sobre a recuperação das estradas do município.

“Antes de deixar o governo, o ex-prefeito vendeu máquinas como Patrol, Retroescavadeira, caçamba e veículos, deixando a frota desfalcada”. Disse.

Gustavo informou que hoje o município é obrigado a alugar maquinário para fazer suas estradas rurais. Sobre abastecimento de água no campo, o secretário assegurou que 5 carros pipas contratados distribuem água até mesmo em alguns pontos da cidade que enfrentam carência.

A Barragem do Poço Cumprido que abastece a cidade, mesmo com o inverno, tem metade dos 14 milhões de metros cúbicos de sua capacidade. Gustavo Gouveia participou do Programa Cidade Alerta ao lado de José Barbosa Filho, presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável e Robinson Lira, Extensionista Rural da Empaer, quando divulgaram a programação da 11ª edição do Grito do Agricultor que acontecerá em Água Branca nos dias 09 e 10 de agosto. As informações são do comunicador Anchieta Santos, das rádios Pajeú FM, e Cidade FM, de Tabira, para o PE Notícias.

O conselheiro Carlos Neves (foto), que tomou posse em julho no Tribunal de Contas do Estado (TCE), ordenou o afastamento do cargo de dois servidores da Prefeitura de Ibimirim, por suspeita de desvio de recursos da previdência municipal.

O Relatório do TCE apontou irregularidades. Segundo o ex-advogado Carlos Neves, a permanência dos servidores colocaria em risco o erário público. O afastamento irá durar de início, 30 dias.

O conselheiro também mandou abrir uma auditoria especial na Prefeitura. A decisão foi em medida cautelar, e já foi publicada no Diário Oficial.

Arcoverde recebe nesta quinta-feira (25), o seminário “Bora Pernambucar – Turismo de Canto a Canto”, iniciativa da Secretaria Estadual de Turismo e Lazer em conjunto com a Empetur, visando lançar um olhar aprofundado para o interior de Pernambuco. A ação acontece no auditório da Secretaria Municipal de Esportes e Educação, das 8h às 13h.

Participam da reunião de estreia do Bora Pernambucar, representantes do trade turístico e de gestores dos municípios de Betânia, Custódia, Ibimirim, Inajá, Manari, Sertânia e da cidade sede, Arcoverde.

“Os seminários Bora Pernambucar dialogam diretamente com a nossa atual campanha de promoção, que busca revelar as belezas de Pernambuco, convidando toda a população a viajar pelo Estado”, explica o secretário de Turismo, Rodrigo Novaes.

Nos próximos meses, a Secretaria de Turismo e Lazer passará por outras regiões do Sertão, Agreste e Zona da Mata, com objetivo de levantar as principais necessidades e potencialidades de cada destino, levantando dados que vão orientar as ações futuras da pasta.

Os responsáveis pelas plantações não foram encontrados nos locais de plantio / Fotos: Divulgação PRF

Uma operação realizada entre os dias 11 a 20 de julho erradicou 230 mil pés de maconha em Cabrobó e municípios vizinhos, no Sertão de Pernambuco. A ação intitulada de Lábaro destruiu plantações que poderiam produzir 19 toneladas da droga pronta para o consumo e equipamentos utilizados no cultivo da planta.

Operação

A iniciativa foi do Núcleo de Operações Especiais e Grupo de Patrulhamento Tático da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em conjunto com o Comando de Operações e Recursos Especiais da Polícia Civil de Pernambuco (CORE-PCPE). A plantação foi encontrada pela Base de Operações Aéreas da PRF, que identificou lavras com as características das que cultivam a “Cannabis Sativa”.

Os responsáveis pelas plantações não foram encontrados nos locais de plantio. As ocorrências serão investigadas pela Polícia Civil de Pernambuco. A plantações poderiam produzir 19 toneladas da droga.