Geral

A Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) ligou o alerta de chuvas fortes para regiões do Estado neste sábado (20). No Grande Recife, a tendência é de chuva ao longo do dia, e a temperatura máxima prevista é de 26°C e a mínima, de 20°C. O Sertão de Pernambuco e São Francisco recebe chuvas de intensidade fraca a moderada.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para perigo potencial de fortes ventos costeiros, entre 11 a 16 m/s (40-60 km/h), até às 10h deste sábado (20) na Região Metropolitana do Recife e Zonas da Mata Norte e Sul, alcançando até o Agreste.

Confira a previsão completa:

Região Metropolitana

Nublado com pancadas de chuva em toda a região ao longo do dia com intensidade moderada a forte.
Temperatura(ºC): Estável

Máxima: 26º Mínima: 20º

Mata Norte

Nublado com pancadas de chuva em toda a região ao longo do dia com intensidade moderada a forte.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 27º Mínima: 20º

Mata Sul

Nublado com pancadas de chuva em toda a região ao longo do dia com intensidade moderada a forte.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 26º Mínima: 20º

Agreste

Nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva em toda a região ao longo do dia com intensidade moderada a forte.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 25º Mínima: 16º

Sertão de Pernambuco

Nublado a parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 30º Mínima: 18º

Sertão de São Francisco

Nublado a parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 30º Mínima: 17º

Um novo golpe que finge ser um programa social do governo para prometer um suposto tratamento odontológico já enganou 162 mil pessoas desde o mês de maio. Intitulado como “Brasil Sorridente”, o ataque leva usuário a clicarem ou compartilharam o link malicioso. Por dia, são registrados, pelo menos, 2.500 novos acessos à fraude.

Identificado pelo dfndr lab, centro especializado em segurança digital da empresa de software PSafe, o golpe disseminado pelo WhatsApp, leva o usuário a informar seu estado, cidade e tipo de tratamento que deseja realizar. Depois, ele precisa fornecer dados pessoais – como nome completo, telefone e e-mail – além de compartilhar o link do ataque com mais 5 contatos do WhatsApp. Por fim, o usuário é induzido a conceder permissão para receber futuras notificações com outros golpes e, depois, direcionado a páginas falsas para visualizar anúncios fraudulentos.

“Golpes que se aproveitam de programas reais do governo como temática são bastante comuns e, infelizmente, são os que mais fazem vítimas, já que tem bastante apelo da população. Neste ataque em especial, o hacker direciona o usuário para páginas com publicidades suspeitas e, a cada nova visualização, o cibercriminoso ganha mais dinheiro”, afirma o diretor do dfndr lab, Emilio Simoni.

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC) emitiu um alerta, no final da manhã desta sexta-feira (19), informando sobre a possibilidade de chuvas moderadas a forte no Recife. A previsão é válida para as próximas 24 horas.

A Defesa Civil do Recife mantém um plantão permanente, podendo ser acionada pelo telefone 0800.081.3400. A ligação é gratuita e o atendimento 24h. A orientação é que, em caso de necessidade, moradores de locais de risco procurem abrigos seguros.

A previsão do tempo divulgada pela Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) desta sexta-feira (19) indica chuva de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca a moderada, no Grande Recife, onde a temperatura mínima é de 19°C e a máxima é de 28°C. Na região da Zona da Mata Sul a tendência, também, é de chuva com intensidade moderada. O Agreste continua registrando a temperatura mais fria do Estado de Pernambuco, dessa vez, com 14°C e pancadas de chuva ao longo do dia.

Confira a previsão completa:

Região Metropolitana

Parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca a moderada.
Temperatura(ºC): Estável

Máxima: 28º Mínima: 19º

Mata Norte

Parcialmente nublado com chuva rápida de forma isolada no período da tarde e noite com intensidade fraca a moderada.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 29º Mínima: 19º

Mata Sul

Parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva em toda a região ao longo do dia com intensidade moderada.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 27º Mínima: 19º

Agreste

Parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca a moderada.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 28º Mínima: 14º

Sertão de Pernambuco

Parcialmente nublado a nublado com chuva rápida de forma isolada nas primeiras horas da manhã e noite com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 30º Mínima: 16º

Sertão de São Francisco

Parcialmente nublado a nublado com chuva rápida de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 29º Mínima: 19º

Sede da Polícia Federal em Brasília (DF) Foto: José Cruz / Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) decidiu suspender todas as investigações em andamento baseadas em informações fornecidas, sem prévia autorização judicial, pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), Receita Federal e Banco Central. A determinação foi tomada em função da decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, que interrompeu todas as investigações no país em que houve compartilhamento de dados financeiros sem a anuência do Judiciário.

A decisão foi comunicada a todos os delegados da corporação, em uma mensagem enviada pelo corregedor-geral substituto da PF, Bráulio Cézar da Silva Galloni.

“Em face da decisão proferida nos autos do Recurso Extraordinário 1.055.941 – São Paulo, da lavra do Min. Dias Toffoli, do STF, comunico aos Senhores, para a devida difusão a todos os Delegados de Polícia Federal que, apesar da Polícia Federal não ter sido formalmente intimada da referida decisão mas tendo em vista que a ela foi dada repercussão geral, foi determinada “a suspensão do processamento de todos os inquéritos (…), em trâmite no território nacional, que foram instaurados à míngua de supervisão do Poder Judiciário e de sua prévia autorização sobre os dados compartilhados pelos órgãos de fiscalização e controle (Fisco, COAF e BACEN), que vão além da identificação dos titulares das operações bancárias e dos montantes globais (…)”, escreveu o corregedor-geral substituto.

A orientação é que os delegados identifiquem todas as apurações que se enquadrem na decisão e as remetam à Justiça. A mensagem ressalta que a PF ainda não foi comunicada formalmente, mas a medida foi antecipada para evitar possíveis nulidades nos inquéritos em andamento.

Os delegados também deverão reunir as informações básicas sobre as investigações, com o “objetivo de avaliar as reais dimensões das consequências da referida decisão nas investigações conduzidas pela Polícia Federal em todo o país”.

Municípios da Paraíba recebem mais de R$ 31 milhões do FPM nesta sexta

Moradores de Monteiro, no Cariri da Paraíba, denunciam que o canal da transposição do Rio São Francisco no município parou de receber águas desde fevereiro deste ano. A população está sendo abastecida por carros pipa e o trecho da transposição tem rachaduras, além de plantas nas margens e dentro do canal de concreto.

O morador Vicente Simões disse que uma obra que foi tão sonhada pela população, tá sendo negativa atualmente e cobrou uma posição das autoridades políticas do Estado.

O bombeamento deve ser retomado em 60 dias após conserto de um problema na barragem de Cacimba Nova, no Rio Grande do Norte, segundo informou a reportagem da TV Paraíba.

O presidente da Agência Estadual das Águas da Paraíba (Aesa), Porfírio Loureiro, explicou a situação no canal em Monteiro. “Desde 22 de fevereiro de 2019 que parou o bombeamento. Ou seja, parou o recebimento de água no portal Monteiro. Devido a um problema na barragem de Cacimba Nova, no município de Custódia, em Pernambuco. A barragem teve uma percolação acima do permitido em projeto. Então o Ministério do Desenvolvimento Regional parou de bombear da EBV-3 para a EBV-4 para fazer os reparos necessários nessa barragem”.

Um grupo de 68 pousadas de Fernando de Noronha aderiu a um movimento de exclusão da plataforma de busca de reservas Booking.com. O “protesto” acontece por tempo indeterminado. Entre elas, nomes de peso como com Zé Maria, Maria Bonita, Morena, EcoCharme e Tejuaçu. A intenção é chamar atenção para a necessidade de preservação de qualidade do Turismo da ilha e proteção ao meio ambiente.

A Associação dos donos de Pousada de Noronha, aliás, afirma que a medida dará ainda mais credibilidade as pousadas regulares que usam os meios eletrônicos para reservas. Esses estabelecimentos regulares são fiscalizados pela vigilância sanitária e bombeiros. Eles têm leis ambientas, taxa de ocupação de terreno e respeito às leis trabalhistas com o recolhimento dos impostos do trabalhados. O pagamentos de impostos distritais, estaduais e federais. Além de ter o alvará de funcionamento expedido pela administração de Noronha e estar inscrito e em dia com o Cadastur, do Ministério do Turismo, licença do CPRH e ICMBio.

De acordo com o presidente da Associação, Ivan Costa, os pousadeiros regulares têm responsabilidade com o turismo do local. “Nós, proprietários de pousadas com CNPJ, temos a responsabilidade com a ilha e com o impacto ambiental. Se quiserem trabalhar com hospedagem, que cumpram as leis”, afirma. Certamente, uma campanha que vai mexer  com um dos destinos turísticos mais procurados do País. De fato, um grande protesto para preservação da ilha.

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, encaminhou, nesta terça-feira dois ofícios solicitando esclarecimentos. Foto: Dicom TJAL (Foto: Dicom TJAL)

O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins (foto), encaminhou dois ofícios pedindo esclarecimentos sobre a premiação de magistrados e servidores por produtividade adotada no Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJ-PE).

Um dos documentos tem relação com o pedido de providências já instaurado para apurar o benefício e o outro diz respeito a premiações já concedidas, entre elas uma viagem à Frankfurt, na Alemanha. O TJ-PE terá 30 dias para responder às determinações da corregedoria.

Em abril de 2019, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) analisou e aprovou o relatório feito após inspeção ordinária realizada pela Corregedoria no TJ-PE. Na ocasião, com base no voto do ministro Humberto Martins, foi determinada a abertura de pedido de providências para esclarecer o funcionamento do programa de prêmios adotado Tribunal.

Segundo o CNJ, a premiação foi desenvolvida pela Escola Judicial do TJ-PE, no âmbito do “Programa Muito Além das Metas”, “como incentivo à produtividade e ao engajamento de magistrados e servidores nos projetos do Tribunal e no cumprimento das metas do CNJ”.

O pedido de providências determinado pelo Conselho corre em sigilo e indica que o Tribunal de Pernambuco deve prestar informações sobre os prêmios e os custos fixados para o “Programa Muito Além das Metas”, assim como encaminhar os atos normativos que tratam do projeto.

Segundo passageiros, a quantidade de ônibus é pequena para a demanda de pessoas — Foto: Reprodução/TV Globo

Bom Dia Pernambuco

Ônibus lotados e filas gigantes nos terminais são consequências do quinto dia consecutivo de paralisação da Linha Centro do metrô do Recife, completado nesta quinta-feira (18), O problema foi causada pelo rompimento de um cabo. Segundo a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), a previsão é que o sistema volte nesta quinta, mas ainda não se sabe o horário.

Durante a manhã, a equipe da TV Globo flagrou coletivos saindo do Terminal Integrado do Barro com passageiros espremidos junto à porta, que quase não fechava devido a grande quantidade de pessoas dentro do veículo.

Mais BRTs e ônibus foram colocados nas ruas, segundo o diretor de operações do Grande Recife Consórcio de Transportes, André Melibeu, informou na quarta (17), mas não são suficientes para suprir a demanda dos 250 mil passageiros que costumam usar, diariamente, a Linha Centro.

Para amenizar os problemas, além de reforçar os ônibus, as estações Jaboatão e Camaragibe foram abertas para que os passageiros tenham acesso ao Terminal Integrado de Ônibus pagando o valor da tarifa do metrô, que é de R$ 2,60.

A Linha Centro tem 19 estações e atende, em dias de semana, cerca de 250 mil pessoas. A CBTU explicou que o problema, iniciado no domingo (14), surgiu a partir do rompimento de um cabo no interior de um conector.

Isso ocasionou o rebaixamento da rede aérea e interrupção da operação, segundo apontou a perícia realizada pela companhia. A fiação ficou presa ao trem, que acabou a arrastando por cerca de um quilômetro.

A equipe de Manutenção da empresa, que está trabalhando de forma ininterrupta, aponta que equipamentos elétricos das duas linhas que auxiliam na troca de via foram danificados e, com isso, não foi possível retomar a operação em apenas uma das vias. Na quarta (17), o cabeamento estava sendo alinhado para poder voltar à operação.

A decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que suspendeu investigações com dados bancários e fiscais compartilhados sem autorização judicial, pode levar o País a sofrer sanções internacionais, segundo a avaliação de integrantes do Ministério Público Federal. Segundo eles, a determinação contraria recomendações de órgãos como o Grupo de Ação Financeira contra a Lavagem de Dinheiro e Financiamento do Terrorismo (Gafi).

O grupo é uma espécie de fórum intergovernamental mundial, que reúne 35 países, para promover leis e normas globais contra a lavagem de dinheiro. Ao descumprir suas recomendações, o Brasil corre o risco de entrar na “lista negra” de nações não engajadas na prevenção a esses tipos de crimes e sofrer sanções econômicas, políticas e diplomáticas de países como Estados Unidos e membros da União Europeia.

Em nota, as forças-tarefa das operações Lava Jato e Greenfield demonstraram preocupação com a falta de cumprimento de regras internacionais. “A referida decisão contraria recomendações internacionais de conferir maior amplitude à ação das unidades de inteligência financeira, como o Conselho de Controle de Atividades Financeira (Coaf)”, afirma.

Segundo especialistas, até mesmo agências de avaliação de risco, como Standard & Poor’s, Fitch e Moody’s usam o enquadramento do país nas regras do Gafi como critério.

“Podemos entrar em listas de alerta e listas de bloqueio que dificultam ou tornam lentos negócios e perder condições de receber investimentos internacionais”, afirmou o procurador da República José Robalinho.

A decisão de Toffoli define que os processos suspensos são aqueles em que o órgão de controle enviou ao investigador relatórios detalhados sobre o contribuinte, sem passar pelo crivo de um juiz. Ou seja, se o Coaf comunicou apenas que a movimentação de uma pessoa é incompatível com sua renda, por exemplo, o processo não é afetado.

Precedentes

A Procuradoria-Geral da República, chefiada por Raquel Dodge, afirmou nesta quarta-feira (17), que, ao decidir suspender os processos, Toffoli contrariou julgamentos do próprio Supremo. Em 2016, a Corte entendeu que a Receita Federal poderia receber dados bancários de contribuintes fornecidos diretamente pelos bancos sem aval da Justiça, inclusive com o voto favorável de Toffoli. Na ocasião, o julgamento foi considerado um marco para que o Brasil se equiparasse a padrões internacionais.

O entorno de Toffoli, no entanto, argumenta que a decisão desta terça-feira, 16, se refere a um assunto que nunca foi analisado de forma definitiva na Corte. Procurado, o ministro não se manifestou.

https://static1.leiaja.com/sites/default/files/field/image/noticias/2019/07/WhatsApp%20Image%202019-07-17%20at%2008.32.07.jpeg

Rodoviários realizam um protesto na Avenida Conde da Boa Vista, no Centro do Recife, na manhã desta quarta-feira (17). O grupo protesta contra a retirada dos cobradores dos coletivos e contra a proposta de reajuste salarial. Eles já haviam feito uma mobilização na última segunda-feira (15) para chamar a atenção da população. O ato está programado para ser encerrado às 9h.

Os rodoviários estão bloqueando a passagem dos veículos a partir da Ponte Duarte Coelho. O engarrafamento passa da altura do Shopping da Boa Vista. Ao abordar os coletivos, os manifestantes entregam panfletos para os passageiros alertando sobre a causa da mobilização. A Polícia Militar (PM) está no local e a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) orienta o trânsito da área.

O protesto conta com a adesão de poucas pessoas, pertencentes ao grupo Família Rodoviária, que faz oposição ao Sindicato dos Rodoviários do Recife e Região Metropolitana. “Estão retirando nossos companheiros de trabalho e colocando motorista para cobrar e dirigir por pouquíssimo. Os cobradores estão preocupados com o emprego. Muitos têm vontade de lutar, mas têm medo porque quando botam à cara o patrão coloca eles para fora da empresa”, explica Maria Helena, ex-cobradora que alega ter sido demitida por atuação política. 

A manifestante acrescenta: “Eles [os patrões] dizem que estão reaproveitando os cobradores, mas não é todo mundo que tem habilitação. Como é que eles estão reaproveitando esse pessoal?”.

Na última segunda-feira, ocorreu a terceira e última rodada de negociações do Sindicato da categoria e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado de Pernambuco (Urbana-PE). Os termos finais de negociação são: reajuste salarial de 4%, reajuste do auxílio alimentação de 12%, controle eletrônico de jornada e aumento da gratificação do motorista-cobrador em 35%, saltando para R$ 135. Uma assembleia será realizada para aprovação ou não do que foi negociado.

Uma das últimas linhas a operar sem cobrador foi a 2442 – Jardim Primavera (Vale das Pedreiras)/TI Caxangá. A retirada dos profissionais ocorreu no dia 8 de julho. O Sistema Estrutural Integrado (SEI), rede de transporte público da Região Metropolitana do Recife (RMR), conta agora com 66 linhas sem o profissional.

Futebol – Uma Paixão Nacional

Por Danizete Siqueira de Lima

Por não ser bem a nossa praia e gerar muitas polêmicas, pouco comentamos aqui sobre futebol. Hoje, especificamente, dedicamos algumas linhas de nossa crônica para parabenizarmos, embora com um certo atraso, os “meninos do Brasil” pela brilhante conquista da Copa América que, à exceção do empate em 0 x 0 no primeiro jogo contra o Peru, ganhamos todos os outros jogos, o que culminou com a conquista do título, no penúltimo domingo, 07 de julho. Com um time de garotos aparentemente inofensivos, o técnico Tite conseguiu o seu objetivo, deixando para trás seleções como Argentina, Uruguai e Paraguai entre as mais fortes da competição.

O Brasil deu o seu recado e os garotos mostraram que poderão render bons dividendos em uma próxima competição, quando estarão mais maduros e afinados, como é o caso do cearense Everton Souza, o “cebolinha”, onde já se especula que o seu valor de mercado atual foi multiplicado por 1000 vezes. Esse garoto de 23 anos, que ganhava no Grêmio algo em torno de R$ 30.000,00/40.000,00, teve seu contrato renovado logo após a copa, até 2022. Não se sabe ao certo qual o seu novo salário, mas só a multa rescisória é de 60 milhões de euros, que equivale em reais a R$ 287 milhões sendo esse o seu maior prêmio pelo destaque na Copa América.

Em nossa avaliação merecem destaque dois veteranos que tiveram papéis importantes na defesa da nossa canarinha: o lateral direito Daniel Alves, de 36 anos e o zagueiro Thiago Silva, de 34 anos.

No feminino, as nossas atletas não tiveram a mesma sorte e foram eliminadas da Copa da França logo nas oitavas de final. Achamos que o time poderia ter rendido mais embora, como elas mesmas fizeram questão de frisar, falta incentivo e condições de trabalho para as atletas. Em todo caso valeu pela participação e nós parabenizamos as equipes tanto masculina quanto feminina. O título da sul americana veio em boa hora, pois um jejum de 6 anos é muito para um país que tem a nossa tradição no futebol..

Agora vamos mudar um pouquinho para falar dos nossos clubes. O que é que está acontecendo com o futebol brasileiro? No último sábado, com o retorno do campeonato brasileiro série “A”, fizemos uma coisa que há muito não fazíamos: ligamos a televisão para vermos o jogo entre Vasco e Grêmio, quando o Vasco começou ganhando com um gol de pênalti e o Grêmio, por está jogando em casa e ter criado mais oportunidades, acabou virando o jogo para 2 x 1.

Após esse jogo demos uma “brechada” em Santos e Bahia e, em ambos os jogos, sentimos uma grande carência daqueles craques que estávamos acostumados a ver. Quem não lembra de um Zico no Flamengo; de um Roberto Dinamite no Vasco; de um Romário que passou por vários clubes, de um Ronaldinho Gaúcho no Grêmio; de um Marcelinho no Corinthians; de um Bebeto, de um Ronaldo fenômeno, de um Cacá, de um Raí e de tantos outros astros da bola?

Ficamos tristes por não vermos mais as tardes/noites de sábados e domingos tão festivas como em outros tempos. E os números não nos deixam mentir. O recesso por conta da Copa América trouxe o campeonato para a décima rodada e o que vemos na tabela de classificação é um raio-X da decadência futebolística. Como exemplo podemos citar clubes como Fluminense e Vasco somando 9 pontos (30% de aproveitamento) enquanto o Cruzeiro amarga um 17º lugar, já na zona de rebaixamento.

É ou não é estranho? E para completar a nossa tristeza não temos nenhum clube pernambucano nos representando no tão sonhado Grupo de Elite. E vejam que já tivemos por lá em várias competições: Sport, Santa Cruz e Náutico.

Por fim a nossa tradicional pergunta: O que é que está acontecendo com o nosso futebol, será decadência, crise ou estamos ficando mais exigentes?

Cerca de 620 mil pessoas se cadastraram na plataforma online “nãomeperturbe”, até às 17h de ontem, para não receber mais ligações de telemarketing de empresas que prestam serviços de telecomunicações, de acordo com informações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Mais cedo, o sindicato que representa as operadoras, o Sinditelebrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal), divulgou um balanço das primeiras 12 horas de funcionamento do site, durante as quais 328 mil pessoas se cadastraram – o site entrou no ar à meia-noite. Em média, de acordo com as teles, foram 13 mil acessos simultâneos e, durante a manhã, houve pico superior a 40 mil acessos no mesmo momento.

O presidente substituto da Anatel, Emmanoel Campelo, ressaltou que o site não saiu do ar em nenhum momento, a despeito da alta procura dos consumidores. Isso, na avaliação dele, “mostra o rigor técnico com que esse trabalho foi desenvolvido”.
Para se cadastrar e deixar de receber ligações indesejadas, basta entrar no site www.naomeperturbe.com.br. É preciso criar um login e senha e informar nome completo, CPF, e-mail e telefone. O bloqueio será efetivado em até 30 dias corridos a partir da data da solicitação.

O site foi criado pelas empresas, em cumprimento a uma determinação da Anatel, com o objetivo de respeitar a vontade de cada usuário individualmente. Participaram da iniciativa Algar, Claro, Oi, Nextel, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

O Brasil conta hoje com 266 milhões de clientes de telefonia fixa e móvel, de acordo com o Sinditelebrasil.

A previsão do tempo para esta quarta-feira (17), divulgada pela Agência pernambucana de Águas e Climas (Apac), indica possibilidade de chuva de forma isolada na Região Metropolitana do Recife no período da madrugada, com intensidade fraca. No Sertão de Pernambuco e São Francisco, faz sol, e a temperatura mais quente do Estado é registrada em ambas regiões: 33°C.

Confira a previsão completa:

Região Metropolitana

Parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada no período da madrugada e/ou primeiras horas da manhã com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável

Máxima: 30º Mínima: 20º

Mata Norte

Parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada no período da madrugada e/ou primeiras horas da manhã com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 30º Mínima: 20º

Mata Sul

Parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada no período da madrugada e/ou primeiras horas da manhã com intensidade fraca.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 30º Mínima: 20º

Agreste

Céu parcialmente nublado e sem chuva ao longo do dia.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 29º Mínima: 16º

Sertão de Pernambuco

Céu parcialmente nublado e sem chuva ao longo do dia.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 33º Mínima: 18º

Sertão de São Francisco

Céu parcialmente nublado e sem chuva ao longo do dia.
Temperatura(ºC): Estável
Máxima: 33º Mínima: 19º

Deltan Dallagnol fala no Congresso da Associação Brasileira de Private Equity & Venture Capital, no Rio, em 2016.

A corregedoria do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) decidiu investigar nesta terça-feira o coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol (foto), e seu colega Roberson Henrique Pozzobon após a “ampla repercussão” das mensagens da chamada #VazaJato, obtidas pelo site The Intercept Brasil e que desde 9 de junho mostram diálogos privados dos procuradores e do então juiz Sergio Moro. Nos capítulos mais recentes, membros do Ministério Público, especialmente Dallagnol, aparecem nas conversas, cuja autenticidade eles questionam, falando sobre como obter lucro ou benesses com a realização de palestras pagas por empresas e entidades interessadas em se associar à imagem da maior ofensiva contra a corrupção na história do país. 

A decisão do corregedor do MP Orlando Rochadel Moreira de acatar uma representação feita pelo Partido dos Trabalhadores (PT) contra os procuradores aprofundou o mal-estar com o escândalo na cúpula da instituição no mesmo dia em que a procuradora-geral, Raquel Dodge, recebeu em Brasília a Dallagnol e a outros integrantes da força-tarefa de Curitiba. Foi uma demonstração de apoio de Dodge à Lava Jato, ainda que discreta –sem declaração pública, apenas com uma nota que elogia o trabalho de Curitiba. “Temos tranquilidade em relação que fizemos. Não ultrapassamos uma linha ética”, disse Dallagnol na nota da PGR que foi lida no Jornal Nacional, da TV Globo, antes de ser divulgada a todos os jornalistas.

A procuradora-geral está em uma saia justa. Antes da abertura do procedimento disciplinar contra Dallagnol, Dodge já digeria a saída do procurador José Alfredo de Paula Silva, que desde setembro de 2017 coordenava o grupo de trabalho da Lava Jato na PGR. Silva pediu demissão na sexta-feira alegando questões pessoais, mas, segundo O Globo, o coordenador esperava uma defesa mais enfática da procuradora da atuação dos colegas de Curitiba. A saída do procurador estava prevista para acontecer só em setembro, quando termina o mandato de Dodge.

O problema principal para a procuradora-geral é justamente de timing. O abalo na credibilidade da força-tarefa acontece em meio a troca de comando na PGR. Dodge parece dividida entre se alinhar à ala dos procuradores que defende ferrenhamente a Lava Jato ou criticar Dallagnol e os colegas. Embora não concorra oficialmente pela categoria à permanecer no cargo que ocupa, a procuradora-geral já se mostrou disposta a ficar e não há nenhum impedimento para que o presidente Jair Bolsonaro a escolha, rompendo a tradição de apontar o nome entre os mais votados pelos próprios procuradores. No começo do mês, a ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República) entregou a Bolsonaro a lista tríplice para substituir Dodge. Os mais votados foram os subprocuradores-gerais Mario Bonsaglia e Luiza Frischeisen, e o procurador regional da Blal Dalloul.

Corporativismo e zona cinzenta

Palestras pagas não são uma novidade no Judiciário em geral nem mesmo entre integrantes do Ministério Público, que recebem os salários mais altos pagos no funcionalismo público brasileiro. A discussão sempre gira em torno do que é legal, ético ou acarreta conflitos de interesses. “A imagem social do Ministério Público deve ser resguardada e a sociedade deve ter a plena convicção de que os membros do Ministério Público se pautam pela plena legalidade, mantendo a imparcialidade e relações impessoais com os demais Poderes constituídos”, escreveu o corregedor Rochadel ao aceitar o pedido do PT.

Segundo a representação petista, as mensagens reveladas pelo The Intercept mostrariam uma articulação de procuradores da força-tarefa da Lava Jato “para criar empresa de fachada e simular sua efetiva participação em sociedade comercial”, na qual “não apareceriam formalmente como sócios, para evitar questionamentos legais, em conluio com suas respectivas cônjuges”. O partido também acusa os procuradores de “desvio de função de servidores da Procuradoria da República em Curitiba para a prática de atividades pessoais de palestrante”, além de falta com o decoro “ao menosprezar a ação de órgãos correcionais, ao ser alertado sobre as possíveis consequências destas condutas”.

O despacho determina a instauração de “reclamação disciplinar”, e dá um prazo de dez dias para que Dallagnol e o procurador Roberson Henrique Pozzobom apresentem seu lado sobre a questão. Moreira também afirma que será “necessária análise preliminar do conteúdo veiculado pela imprensa, notadamente pelo volume de informações constantes dos veículos de comunicação”.

Nesta terça-feira (16), o volume ganhou um adendo: a coluna da Monica Bergamo na Folha de S. Paulo divulgou que Dallagnol também pediu – além de um cachê de 30.000 reais para dar uma palestra sobre combate à corrupção na Federação das Indústria do Ceará, em julho de 2017 – passagem e hospedagem no Beach Park Resort, de Fortaleza, para ele, sua mulher e seus dois filhos. “Posso pegar [a data de] 20/7 e condicionar ao pagamento de hotel e de passagens pra todos nós”, disse Dallagnol a sua esposa, em mensagens obtidas pelo The Intercept Brasil e analisadas pela Folha de S. Paulo.

Ainda de acordo com a publicação, Dallagnol teria comemorado em conversa com o juiz Sergio Moro, o fato de não ter sofrido punição de órgãos de fiscalização por dar palestras. “Não sei se você viu, mas as duas corregedorias – [do] MPF [Ministério Público Federal] e [do] CNMP [Conselho Nacional do Ministério Público] – arquivaram os questionamentos sobre minhas palestras dizendo que são plenamente regulares”, publicou a coluna.