https://imagens2.ne10.uol.com.br/blogsne10/jamildo/uploads//2017/01/R%C3%A1dio-748x410.jpg

Um fato surpreendente chegou ao conhecimento dos ouvintes e moradores de Sertânia. É que está tramitando na justiça um processo criminal onde o prefeito Ângelo Ferreira acusa a Rádio Sertânia FM de ser um dos cisterninhas. “Cisterninha (é um fake), foi um termo usado pelos adversários do prefeito, para justificar a presença da Policia Civil que foi ao município averiguar um escândalo das Cisternas tempos atrás, mas que segundo consta, a ação teria que ser feita pela Polícia Federal e não Civil, dai os adversários criaram uma página nas redes sociais e criaram o apelido de ‘prefeito cisterninha’ quando se referiam ao prefeito Ângelo Ferreira”.

“Pois é. Além de acusar diversos sertanienses, o prefeito “empurrou” no meio à Rádio Sertânia FM e a acusa de ser cisterninha”, diz o Blog Tribuna do Moxotó.

O estranho é que apesar do prefeito Ângelo Ferreira usar aquela emissora, faltou a ele a clareza para observar que para fazer uma acusação nesse nível é necessário uma investigação minuciosa e com evidências consistentes, o que ele, aparentemente não tem, já que em outro processo acusou outras pessoas de ser o tal cisterninhas e o referido processo foi arquivado por faltas de provas.

O blog acusa o prefeito de ter apontado a metralhadora giratória e disparou para todos os lados, já que há algum tempo ele disparou acusações infundadas a seus opositores, a seus desafetos. Acusando-os de serem todos cisterninhas.

“No processo que entrou contra a rádio, também estão vários partidários seus. Estranho isso”, disse um advogado que teve acesso ao processo e que por questões de foro íntimo pediu para não ser identificado pelo blog.

No início do mês de julho ele, novamente entrou com um processo de injurias, calúnia e difamação contra algumas pessoas e também contra a emissora de rádio do deputado Gonzaga Patriota, que é seu aliado, pois deve está se perguntando por que esse processo, já que ele dispõe daquela emissora de rádio pra tudo. Inclusive, não se pode esquecer que a esposa de Ângelo Ferreira, a ex-prefeita Cleide, “trabalha” no gabinete do deputado em Brasília, ganhando até auxilio alimentação, mesmo “trabalhando” em casa, desde 2017, detona o blog.